Estudo publicado recentemente indica que a Wikipédia está perdendo editores na língua inglesa

SÃO PAULO – Um estudo publicado recentemente indica que a Wikipédia está perdendo editores na língua inglesa. A pesquisa, chefiada por Aaron Halfaker, da Universidade de Minnesota, descobriu que o número de colaboradores voluntários diminuiu de 56 mil, em 2007, para 35 mil no final de 2012.

Criada por Jimmy Wales em 2001, o site é escrito editado colaborativamente por qualquer interessado. Assim, sua força e produtividade reside na quantidade de pessoas que dela participam.

O estudo aponta que, entre os motivos para a queda na participação, estão o aumento de programas automáticos de edição e o desânimo dos possíveis colaboradores com a estrutura do site. “Minha análise sugere que a principal razão da queda no número de editores ativos é o ambiente pouco receptivo a novos editores”, disse Halfaker ao Link.

Ele explica: em 2007, o site passou por uma série de mudanças, incorporando mais ferramentas que monitoram as alterações nos artigos e rejeitam automaticamente informações duvidosas ou falsas, chamadas no site de “vandalismo”.

“Eu e meus coautores notamos que houve aumento do uso de ‘robôs’ e outras ferramentas de software como uma forma de rejeitar vandalismo e outras edições indesejáveis de forma mais rápida”, disse Halfaker . “Nossa análise sugere que o crescimento dessas ferramentas teve um papel significativo para deixar o ambiente mais ofensivo a novos editores.”

Para o chefe do estudo, tornar o mecanismo rígido demais não é a melhor forma de garantir qualidade em um modelo baseado na colaboração das pessoas (crowdsourcing), uma vez que tem o efeito colateral de afastar novos interessados. “Rejeitar contribuições danosas é o primeiro mecanismo de controle de qualidade da Wikipedia. Sem ela, a enciclopédia poderia cair na irrelevância. No entanto, a forma como os novatos tem suas intervenções rejeitadas parece fazer uma grande diferença.”

Importância. Halfaker afirma que, mesmo com as inesgotáveis fontes de informação hoje, a Wikipédia ainda é relevante e, por isso, não pode se fechar para novos voluntários. “Acredito que Wikipédia seja mais importante do que nunca foi; não apenas por nela existe informação de qualidade, mas pelo fácil acesso, o que torna o seu valor imensurável.”

Em dez anos, a Wikipédia foi de zero a 4 milhões de artigos e hoje há menos oportunidade para a criação de material novo.  ”É provável que o crescimento da Wikipédia eventualmente diminua, à medida que ela se torne mais completa, independentemente do ambiente para novos colaboradores. Talvez ela nunca mais alcance o número de 56 mil editores de 2007″, disse Halfaker. “Contudo, ainda ela ainda tem muito a oferecer, e não parece estar perto de estar completa.  Qualquer um pode editar qualquer artigo apenas clicando na palavra ‘editar’. Isso é parte do brilhante porém perigoso design da Wikipédia que a torna tão fascinante”, disse o chefe do estudo.

O infográfico abaixo, criado pelo site Statista.com mostra a evolução e a produtividade dos editores da Wikipedia. Entre as comunidades mais ativas, os participantes de língua portuguesa ficam com o 10º lugar, com 750 milhões de artigos publicados no site (clique na imagem para ampliá-la).

Fontes e Direitos Autorais: Estadão.com.br – Link – Por Anna Carolina Papp – 16/01/2013.

About these ads

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s