Links no Facebook e MSN infectam PCs brasileiros

Cibercriminosos se aproveitam da curiosidade dos usuários do MSN e Facebook para que eles cliquem em um link malicioso e baixem um malware.
O caso mais recente traz a promessa de supostas fotos do presidente da Venezuela, Hugo Chávez, em estado crítico de saúde.

São Paulo – Cibercriminosos se aproveitam da curiosidade dos usuários do MSN e Facebook para que eles cliquem em um link malicioso e baixem um malware.

O caso mais recente traz a promessa de supostas fotos do presidente da Venezuela, Hugo Chávez, em estado crítico de saúde.

Após o download, o computador se torna infectado por um código que o transforma em parte de uma rede botnet – e permite que os crackers roubem senhas de acesso às redes sociais.

O código, já bastante propagado nos últimos seis meses na América Latina, é conhecido como Win32/Dorkbot.

Uma vez parte da botnet, o computador passa a ser usado para a propagação da ameaça a outros usuários. Desse modo, sempre que a máquina com vírus se conecta ao Facebook ou ao Windows Live Messenger, ele envia o link malicioso a todos seus contatos.

Esse ataque recente também busca encontrar senhas de Gmail, Hotmail, Twitter, PayPal e outros serviços online. Mesmo para quem possui anti-vírus instalado, é importante se manter atento aos links compartilhados, mesmo que por amigos. 

Fontes e Direitos Autorais: Por Amanda Previdelli, de INFO Online • Segunda-feira, 09 de janeiro de 2012 – 15h30.

Autor: Junior Galvão - MVP

Profissional com vasta experiência na área de Tecnologia da Informação e soluções Microsoft. Pós-Graduado no Curso de Gestão e Engenharia de Processos para Desenvolvimento de Software com RUP na Faculdade FIAP – Faculdade de Informática e Administração Paulista de São Paulo. Graduado no Curso Superior em Gestão da Tecnologia de Sistemas de Informação pela Uninove – Campus São Roque. Formação MCDBA Microsoft, autor de artigos acadêmicos e profissionais postados em Revistas, Instituições de Ensino e WebSistes. Meu primeiro contato com tecnologia ocorreu em 1994 após meus pais comprarem nosso primeiro computador, ano em que as portas para este fantástico mundo se abriram. Neste mesmo ano, comecei o de Processamento de Dados, naquele momento a palavra TI não existia, na verdade a Tecnologia da Informação era conhecida como Computação ou Informática, foi assim que tudo começou e desde então não parei mais, continuando nesta longa estrada até hoje. Desde 2001 tenho atuado como Database Administrator – Administrador de Banco de Dados – SQL Server em tarefas de Administração, Gerenciamento, Migração de Servidores e Bancos de Dados, Estratégias de Backup/Restauração, Replicação, LogShipping, Implantação de ERPs que utilizam bancos SQL Server, Desenvolvimento de Funções, Stored Procedure, entre outros recursos. Desde 2008 exerço a função de Professor Universitário, para as disciplinas de Banco de Dados, Administração, Modelagem de Banco de Dados, Programação em Banco de Dados, Sistemas Operacionais, Análise e Projetos de Sistemas, entre outras. Experiência na Coordenação de Projetos de Alta Disponibilidade de Dados, utilizando Database Mirroring, Replicação Transacional e Merge, Log Shipping, etc. Trabalhei entre 2011 e 2017 como Administrador de Banco de Dados e Coordenador de TI no FIT – Instituto de Tecnologia da Flextronics, atualmente exerço a função de Professor Universitário na FATEC São Roque. CTO da Galvão Tecnologia, consultoria especializada em Gestão de TI, Administração de Servidores Windows Server, Bancos de Dados Microsoft SQL Server e Virtualização. Possuo titulação Oficial Microsoft MVP e reconhecimentos: MCC, MSTC e MIE.