Brasil ocupa apenas 40º lugar em ranking da velocidade da web

             São Paulo – A velocidade da internet brasileira é uma das mais lentas do mundo. Segundo pesquisa da Akamai, uma empresa especializada em infraestrutura de rede, a velocidade média da web brasileira é de 1,8 megabit por segundo (Mbps), enquanto a mundial é de 2,3 Mbps.A Akamai mediu a velocidade da internet em 50 países. E a média registrada no Brasil deixou o país na 40ª posição da pesquisa, atrás de países como Letônia e Romênia. O primeiro lugar ficou com a Coreia do Sul, onde as pessoas acessam a internet com uma velocidade média de 17,5 Mbps – ou seja, quase 10 vezes mais rápida que a do Brasil.

A discrepância entre os países é causada pelas diferenças na infraestrutura de rede. Enquanto as operadoras da Coreia do Sul oferecem o serviço de banda larga em alta velocidade por todo o país, as operadoras daqui a oferecem somente em capitais. A maioria dos municípios ainda oferece apenas links de 1 Mbps ou de 512 Kbps. Em algumas regiões remotas do norte brasileiro, por exemplo,  as conexões de banda larga ainda não ultrapassaram os 256 Kbps.

Investimentos – As operadoras têm feito investimentos modestos em banda larga e o governo está ampliando o PNBL, projeto que visa espalhar cabos de fibra ótica por todo o país e baratear o preço do serviço de internet rápida. Apesar dos esforços, as iniciativas não deverão ajudar o Brasil a subir muitas posições no ranking da Akamai nos próximos anos.

Segundo pesquisa da consultoria Teleco, as operadoras e o governo precisariam gastar cerca de 100 bilhões de reais em infraestrutura para levar internet de alta velocidade para todos os cantos do país. Como o valor é muito alto para o mercado brasileiro, a tendência é que o Brasil não acompanhe os demais países no crescimento da velocidade da web. O país, por exemplo, ainda discute o leilão da tecnologia 4G, enquanto Coréia do Sul, Estados Unidos e países da Europa já oferecem planos com a tecnologia – que oferece velocidades de até 100 Mbps.

Uso alto da web – Apesar das velocidades baixas e dos preços altos, o brasileiro não deixa de usar a internet. Segundo a Akamai, o Brasil é, atualmente, o 8ª na lista de países que mais trocam dados na rede.

Segundo pesquisa, o Brasil é responsável por 4,4% do tráfego de dados na internet. O volume é considerado bastante expressivo. Ainda mais quando é comparado aos Estados Unidos, que responde por 10% de todo o tráfego.

Veja abaixo os dez países com melhor infraestrutura de internet, de acordo com a Akamai.

País

Velocidade média de   conexão

1º – Coréia do Sul

17,5 Mbps

2º – Japão

9,1 Mbps

3º – Hong Kong

9,1 Mbps

4º – Holanda

8,2 Mbps

5º – Letônia

7,8 Mbps

6º – Suíça

7,2 Mbps

7º – Irlanda

6,8 Mbps

8º – República Checa

6,7 Mbps

9º – Romênia

6,4 Mbps

10º – Bélgica

6,1 Mbps

40º – Brasil

1,8 Mbps

, de INFO Online.

Anúncios

Autor: Junior Galvão - MVP

Profissional com vasta experiência na área de Tecnologia da Informação e soluções Microsoft. Graduado no Curso Superior em Gestão da Tecnologia de Sistemas de Informação. Pós-Graduado no Curso de Gestão e Engenharia de Processos para Desenvolvimento de Software com RUP na Faculdade FIAP - Faculdade de Informática e Administração Paulista de São Paulo. Pós-Graduado em Gestão da Tecnologia da Informação Faculdade - ESAMC Sorocaba. Formação MCDBA Microsoft, autor de artigos acadêmicos e profissionais postados em Revistas, Instituições de Ensino e WebSistes. Meu primeiro contato com tecnologia ocorreu em 1995 após meus pais comprarem nosso primeiro computador, ano em que as portas para este fantástico mundo se abriram. Neste mesmo ano, comecei o de Processamento de Dados, naquele momento a palavra TI não existia, na verdade a Tecnologia da Informação era conhecida como Computação ou Informática, foi assim que tudo começou e desde então não parei mais, continuando nesta longa estrada até hoje. Desde 2001 tenho atuado como Database Administrator - Administrador de Banco de Dados - SQL Server em tarefas de Administração, Gerenciamento, Migração de Servidores e Bancos de Dados, Estratégias de Backup/Restauração, Replicação, LogShipping, Implantação de ERPs que utilizam bancos SQL Server, Desenvolvimento de Funções, Stored Procedure, Triggers. Experiência na Coordenação de Projetos de Alta Disponibilidade de Dados, utilizando Database Mirroring, Replicação Transacional e Merge, Log Shipping. Atualmente trabalho como Administrador de Banco de Dados no FIT - Instituto de Tecnologia da Flextronics, como também, Consultor em Projetos de Tunnig e Performance para clientes, bem como, Professor Titular na Fatec São Roque. Desde 2008 exerço a função de Professor Universitário, para as disciplinas de Banco de Dados, Administração, Modelagem de Banco de Dados, Programação em Banco de Dados, Sistemas Operacionais, Análise e Projetos de Sistemas, entre outras. Possuo titulação Oficial Microsoft MVP - SQL Server renovada desde 2007.

Um comentário em “Brasil ocupa apenas 40º lugar em ranking da velocidade da web”

  1. a qui vai a minha resposta com meu sinceros agradescimentos em nome da nossa cidadania juntos em eleva brasil o nivel mais alto com integridade fasendo jus juntos e sempre omde a ordem e o progresso arde no peito da cidadania.com mutipla tecnologia ao governo brasileiro com integridade 24hras por dia ao patamar que o pais merece.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s