Short Scripts – Setembro 2018

Buenos dias, bom dia, comunidade….

E ai como passaram os últimos meses?

Pergunto isso, devido ao post anterior desta sessão ter sido publicado no mês de maio, posso imaginar que neste intervalo de tempo nossas vidas apresentaram inúmeras situações, espero que todas possam ter sido dentro do possível boas, assim como a minha, e se caso venha a existir algo mais espinhoso, que você possa ter superado.

Seguindo em frente, que alegria poder te encontrar em mais um post da sessão Short Scripts, uma das sessões mais recentes do meu blog que esta alçando a marca de 34 posts publicados trimestralmente.

Mantendo a tradição estou retornando com mais um conjunto de “pequenos” scripts catalogados e armazenados em minha biblioteca pessoal de códigos relacionados ao Microsoft SQL Server e sua fantástica linguagem de desenvolvimento Transact-SQL.

Como promessa é dívida e deve ser cumprida “ou melhor” compartilhada, estou compartilhando a minha feita a alguns meses no final do último post desta sessão, publicando mais um conjunto de scripts adicionados atualmente na minha biblioteca particular de códigos e exemplos.

O post de hoje

Normalmente compartilho os principais scripts armazenados nos últimos meses, no post de hoje vou fazer um pouco diferente, recentemente tive a necessidade de realizar alguns atividades relacionadas as Split de dados e Collation, sendo assim, decide então compartilhar alguns códigos que estejam envolvidos com estes assuntos e que também se vinculem com outros, dentre os quais destaco:

  • Collate Column,
  • Collate,
  • Collation,
  • Database Collate,
  • Database Collation,
  • Instâncias Microsoft SQL Server,
  • Junção de Tabelas,
  • Page Split,
  • Server Collation,
  • Servidores Microsoft SQL Server,
  • String Split,
  • User Defined Function, e
  • Valores separados por vírgulas.

Chegou a hora, mãos nos teclados, a seguir apresento os códigos e exemplos selecionados para o Short Script – Setembro 2018 . Vale ressaltar que todos os scripts publicados nesta sessão foram devidamente testados, mas isso não significa que você pode fazer uso dos mesmo em seu ambiente de produção, vale sim todo cuidado possível para evitar maiores problemas.

Fique a vontade para compartilhar, comentar e melhorar cada um destes códigos.

Short Scripts

— Short Script 1  – Identificando Page Split – Método 1  —
SELECT cntr_value
FROM sys.sysperfinfo
WHERE counter_name =’Page Splits/sec’ AND
OBJECT_NAME LIKE’%Access methods%’
Go

— Short Script 2  – Identificando Page Split – Método 2  —
SELECT object_name,
counter_name,
instance_name,
cntr_value, cntr_type

FROM sys.dm_os_performance_counters
WHERE counter_name =’Page Splits/sec’ AND
OBJECT_NAME LIKE’%Access methods%’
Go

— Short Script 3  – Criando um User Defined Function para separação de Strings por vírgula  – Método 1 —
CREATE FUNCTION dbo.UFN_SEPARATES_COLUMNS(@TEXT1 varchar(8000), @COLUMN tinyint, @SEPARATOR char(1))
RETURNS varchar(8000)
AS
BEGIN
DECLARE @POS_START int = 1
DECLARE @POS_END int = CHARINDEX(@SEPARATOR, @TEXT, @POS_START)

WHILE (@COLUMN >1 AND @POS_END> 0)
BEGIN
SET @POS_START = @POS_END + 1
SET @POS_END = CHARINDEX(@SEPARATOR, @TEXT, @POS_START)
SET @COLUMN = @COLUMN – 1
END

IF @COLUMN > 1 SET @POS_START = LEN(@TEXT) + 1
IF @POS_END = 0 SET @POS_END = LEN(@TEXT) + 1

RETURN SUBSTRING (@TEXT, @POS_START, @POS_END – @POS_START)
END
Go

SELECT
dbo.UFN_SEPARATES_COLUMNS(@ISBN, 1, ‘-‘) AS PREFIX,
dbo.UFN_SEPARATES_COLUMNS(@ISBN, 2, ‘-‘) AS REGISTRATION_GROUP,
dbo.UFN_SEPARATES_COLUMNS(@ISBN, 3, ‘-‘) AS REGISTRANT,
dbo.UFN_SEPARATES_COLUMNS(@ISBN, 4, ‘-‘) AS PUBLICATION,
dbo.UFN_SEPARATES_COLUMNS(@ISBN, 5, ‘-‘) AS [CHECK]
Go

— Short Script 4  – Criando um User Defined Function para separação de Strings por vírgula – Método 2  —

Create FUNCTION [dbo].[fnSplitString]
(
@string NVARCHAR(MAX),
@delimiter CHAR(1)
)
RETURNS @output TABLE(splitdata NVARCHAR(MAX)
)
BEGIN
DECLARE @start INT, @end INT
SELECT @start = 1, @end = CHARINDEX(@delimiter, @string)
WHILE @start < LEN(@string) + 1 BEGIN
IF @end = 0
SET @end = LEN(@string) + 1

INSERT INTO @output (splitdata)
VALUES(SUBSTRING(@string, @start, @end – @start))
SET @start = @end + 1
SET @end = CHARINDEX(@delimiter, @string, @start)

END
RETURN
END

Select * from dbo.fnSplitString(‘Querying SQL Server’,”)
Go

— Short Script 5  – Informando o Collate de uma coluna na cláusula Where  —
S
elect campo
From tabela
Where campo collate Latin_General_CI_AS like ‘%á%’
Go

— Short Script 6  – Informando o Collate na declaração de uma coluna e na cláusula Where  —
Select Campo collate Latin_General_CI_AS
From tabela
Where Campo collate Latin_General_CI_AS like ‘%á%’
Go

— Short Script 7  – Alterando o Collate de um Banco de Dados  —
Alter Database MosaicoClient
Collate SQL_Latin1_General_CP1_CI_AI
Go

— Short Script 8  – Alterando o Collate de uma Coluna  —
Alter Table Users
Alter Column [Password] Varchar(12) Collate SQL_Latin1_General_CP1_CS_AS
Go

— Short Script 9  – Identificando o Server Collation  – Método 1 —
Select SERVERPROPERTY (‘collation’)
Go

— Short Script 10 – Identificando o Server Collation  – Método 2 —
Exec sp_helpsort
Go

— Short Script 11 – Identificando o Database Collation —
Select DatabasePropertyEx(‘MRP’,’collation’)
Go

— Short Script 12 – Identificando o Column Collation – Método 1 —
Exec sp_help ‘Produtos’
Go

— Short Script 13 – Identificando o Column Collation – Método 2 —
Select * from Sys.columns
Where Name = ‘Produtos’
Go

— Short Script 14 – Identificando o Column Collation – Método 3 —
Select * from Information_schema.columns
Where Table_Name = ‘Produtos’
Go

Muito bem, missão mais que cumprida! Uma nova relação de short scripts acaba de ser compartilhada, mesmo sendo denominados short entre aspas “pequenos”, posso garantir que todos estes exemplos são de grande importância, apresentam um valor e conhecimento do mais alto nível.


Chegamos ao final de mais um Short Scripts, espero que este material possa lhe ajudar, ilustrando o uso de alguns recursos e funcionalidades do Microsoft SQL Server.

Acredito que você tenha observado que estes códigos são conhecidos em meu blog, todos estão relacionados aos posts dedicados ao Microsoft SQL Server publicados no decorrer dos últimos anos.

Boa parte deste material é fruto de um trabalho dedicado exclusivamente a colaboração com a comunidade, visando sempre encontrar algo que possa ser a solução de um determinado problema, bem como, a demonstração de como se pode fazer uso de um determinado recurso.

Links

Caso você queira acessar os últimos posts desta sessão, não perca tempo acesse os links listados abaixo:

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2018/05/10/short-scripts-maio-2018/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2018/02/19/short-scripts-fevereiro-2018-transaction-log/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2017/12/09/short-scripts-dezembro-2017/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2017/09/16/short-scripts-setembro-2017/

Agradecimento

Obrigado mais uma vez por sua visita, fico honrado com sua ilustre presença ao meu blog, desejo e espero que você possa ter encontrado algo que lhe ajudou.

Volte sempre, nos encontraremos mais uma vez na sessão Short Scripts no post do mês de novembro de 2018.

Abraços…

Autor: Junior Galvão - MVP

Profissional com vasta experiência na área de Tecnologia da Informação e soluções Microsoft. Pós-Graduado no Curso de Gestão e Engenharia de Processos para Desenvolvimento de Software com RUP na Faculdade FIAP – Faculdade de Informática e Administração Paulista de São Paulo. Graduado no Curso Superior em Gestão da Tecnologia de Sistemas de Informação pela Uninove – Campus São Roque. Formação MCDBA Microsoft, autor de artigos acadêmicos e profissionais postados em Revistas, Instituições de Ensino e WebSistes. Meu primeiro contato com tecnologia ocorreu em 1994 após meus pais comprarem nosso primeiro computador, ano em que as portas para este fantástico mundo se abriram. Neste mesmo ano, comecei o de Processamento de Dados, naquele momento a palavra TI não existia, na verdade a Tecnologia da Informação era conhecida como Computação ou Informática, foi assim que tudo começou e desde então não parei mais, continuando nesta longa estrada até hoje. Desde 2001 tenho atuado como Database Administrator – Administrador de Banco de Dados – SQL Server em tarefas de Administração, Gerenciamento, Migração de Servidores e Bancos de Dados, Estratégias de Backup/Restauração, Replicação, LogShipping, Implantação de ERPs que utilizam bancos SQL Server, Desenvolvimento de Funções, Stored Procedure, entre outros recursos. Desde 2008 exerço a função de Professor Universitário, para as disciplinas de Banco de Dados, Administração, Modelagem de Banco de Dados, Programação em Banco de Dados, Sistemas Operacionais, Análise e Projetos de Sistemas, entre outras. Experiência na Coordenação de Projetos de Alta Disponibilidade de Dados, utilizando Database Mirroring, Replicação Transacional e Merge, Log Shipping, etc. Trabalhei entre 2011 e 2017 como Administrador de Banco de Dados e Coordenador de TI no FIT – Instituto de Tecnologia da Flextronics, atualmente exerço a função de Professor Universitário na FATEC São Roque. CTO da Galvão Tecnologia, consultoria especializada em Gestão de TI, Administração de Servidores Windows Server, Bancos de Dados Microsoft SQL Server e Virtualização. Possuo titulação Oficial Microsoft MVP e reconhecimentos: MCC, MSTC e MIE.