Microsoft Virtual Academy – Novo treinamento sobre noções básicas do Windows Server 2016


Nos últimos dias a Microsoft adicionou a sua biblioteca de cursos on-line disponibilizados no Microsoft Virtual Academy, um novo curso dedicado exclusivamente ao Windows Server 2016, trata-se do curso de Noções Básicas, focado em profissionais, estudantes e entusiastas que querem conhecer um pouco mais sobre o sistema operacional da Microsoft utilizado em servidores.

A Microsoft Virtual Academy (ou MVA) oferece treinamento online da Microsoft realizado por especialistas para ajudar os tecnólogos a aprender constantemente, com centenas de cursos em múltiplos idiomas. A MVA é gratuita e o serviço inteiro é hospedado no Microsoft Azure. Além dos treinamentos, ela também oferece para download diversos ebooks gratuitos.

O treinamento é dividido em seis módulos que apresentam a versão 2016 do Windows Server, que foi lançada em setembro de 2016 durante a conferência Ignite e disponibilizada oficialmente em outubro do mesmo ano.

O Treinamento

O primeiro módulo centra-se na instalação do novo sistema operacional e na comparação da funcionalidade de diferentes versões.

No segundo módulo, são apresentadas as novas funções na área de identidade. O terceiro módulo apresenta os novos recursos da rede.

O módulo 4 fornece uma visão geral dos novos recursos e melhorias na memória. No quinto módulo, são apresentadas as novas funções no campo da virtualização. Após uma pequena introdução ao Hyper-V, também é mostrado como criar e configurar máquinas virtuais.

No último módulo, a Microsoft aborda os contêineres que fornecem uma extensão da virtualização.

Treinamento gratuito: Noções básicas sobre o Windows Server 2016
O treinamento é dividido em seis módulos que apresentam a versão 2016 do Windows Server, que foi lançada em setembro de 2016 durante a conferência Ignite e disponibilizada oficialmente em outubro do mesmo ano

Módulos do treinamento gratuito Noções básicas sobre o Windows Server 2016:

01 | Introdução ao Windows Server 2016
O primeiro módulo se concentra na instalação do novo sistema operacional e na comparação da funcionalidade de diferentes versões.

02 | Serviços de diretório do Windows Server 2016
No segundo módulo, são apresentadas as novas funções no campo da identidade.

03 | Serviços de rede no Windows Server 2016
No terceiro módulo você receberá uma introdução às novas funções na rede.

04 | Soluções de armazenamento do Windows Server 2016
Este módulo fornece uma visão geral dos novos recursos e melhorias de memória.

05 | Virtualização do Windows Server 2016
No quinto módulo são apresentadas as novas funções no campo da virtualização.

06 | Windows Server 2016 Container Basics
O último módulo tem como foco os contêineres.

Para maiores informações e acesso ao treinamento clique aqui.

Fontes e Direitos Autorais: Microsoft.com – 05/02/2018.

Anúncios

Microsoft abre inscrições para o maratona bots


A Microsoft abriu as inscrições para o Maratona Bots, um curso de capacitação online e gratuito destinado a programadores que querem aprender como criar chatbots, robôs que conversam via chat utilizando recursos de Inteligência Artificial.

O curso terá quatro semanas de duração e os conteúdos didáticos serão liberados semanalmente. O primeiro módulo estará disponível a partir de segunda-feira, dia 15 de janeiro.

Após o término das aulas, os participantes terão até o dia 26 de março para desenvolverem um bot atendendo aos critérios da organização do curso. Os projetos serão avaliados por um time de especialistas da Microsoft. O objetivo é fomentar a criatividade e o aprimoramento técnico dos participantes em serviços de Inteligência Artificial disponíveis na nuvem.

A maratona também fará uma breve introdução aos conceitos de machine learning e Inteligência Artificial, que podem auxiliar na construção de aplicativos de diferentes tipos. São conhecimentos que ajudam a formar um profissional capaz de fazer frente às demandas atuais das empresas interessadas em promover a transformação digital.

Microsoft abre inscrições para o Maratona Bots

O público-alvo principal do curso são os desenvolvedores de software. Profissionais de áreas relacionadas que tenham conhecimento básico de programação e desejam entender melhor a aplicabilidade da tecnologia nos negócios também podem participar.

Além das aulas de vídeo online, o curso terá materiais de apoio em formato PDF e laboratórios práticos. Durante o período de aulas, os participantes poderão tirar suas dúvidas com instrutores que estarão on-line. Depois do encerramento, o conteúdo das aulas continuará disponível na plataforma on-line.

Desenvolvedores e demais interessados podem se inscrever aqui.

Fontes e Direitos autorais: Microsoft News Center Brasil – 10/01/2018.

TechNet Virtual Lab: Office 365 Advanced Threat Protection


A Microsoft disponibilizou recentemente em sua página Laboratórios Virtuais TechNet o laboratório virtual Office 365 Advanced Threat Protection – Guia Interativo.

Os laboratórios virtuais permitem que usuários e profissionais de TI testem recursos dos sistemas operacionais e de outros produtos da Microsoft via nuvem como se estivessem usando seus próprios PCs.

Isto é útil para quem não quer perder tempo criando uma máquina virtual apenas para testar um recurso específico.

TechNet Virtual Lab: Office 365 Advanced Threat Protection – Guia Interativo

Para quem não sabe, o Office 365 Advanced Threat Protection oferece proteção em tempo real para email em ambientes corporativos. O serviço foi atualizado no início deste ano e ganhou novos recursos como URL Detonation e Dynamic Delivery.

De acordo com a Microsoft, o recurso URL Detonation ajuda a impedir que os usuários sejam comprometidos por arquivos oferecidos através de URLs maliciosas.

Quando o usuário recebe um email, o Advanced Threat Protection analisa as URLs na mensagem procurando por comportamento malicioso.

Se o usuário clicar no link durante a verificação, ele verá o alerta falando que a mensagem está sendo verificada. Se o link for detectado como malicioso, um novo alerta será exibido recomendando que o usuário não clique no link.

Os administradores podem configurar a política SafeLink para monitorar os cliques dos usuários. Isto é útil para casos onde eles burlam os alertas para acessar sites bloqueados pelo Advanced Threat Protection.

TechNet Virtual Lab: Office 365 Advanced Threat Protection
Já o recurso Dynamic Delivery do Office 365 Advanced Threat Protection permite que os usuários leiam as mensagens de email enquanto os anexos são verificados.

Durante a verificação, o anexo é substituído por um “placeholder” com a notificação indicando que a verificação do verdadeiro anexo está em andamento.

Se o usuário clicar neste “placeholder”, ele verá uma mensagem mostrando o progresso da verificação. Se o anexo for malicioso, o Office 365 Advanced Threat Protection notificará o usuário.

Neste laboratório virtual você verá como o Office 365 Office 365 Advanced Threat Protection pode ajudar a impedir que anexos maliciosos cheguem aos destinatários, proteger usuários contra links maliciosos e mais com recursos como os mencionados acima.

Confira o laboratório virtual clicando aqui e saiba mais sobre o serviço aqui.

Fontes e Direitos Autorais: Microsoft.com  https://products.office.com/en/exchange/online-email-threat-protection

Microsoft disponibiliza o SQL Server 2016 Training Kit


A Microsoft disponibilizou recentemente no Microsoft Download Center o SQL Server 2016 Training Kit.

O kit é voltado para desenvolvedores, instrutores, consultores e outros profissionais que precisam saber mais sobre as principais novidades introduzidas na nova versão do SQL Server.

Ele contém apresentações, demos, vídeos e outros recursos para ajudar no aprendizado ou para montar uma sessão de treinamento.

Faça o download do SQL Server 2016 Training Kit

O SQL Server 2016 Training Kit está disponível para download gratuitamente aqui. Ele é compatível com o Windows 10, Windows 8, Windows 8.1, Windows Server 2012 R2 e Windows Server 2016.

Microsoft disponibiliza o SQL Server 2016 Training Kit

SQL Server 2016

Lançado em junho deste ano, o SQL Server 2016 traz recursos críticos inovadores com desempenho em memória e análise operacional integrada. Os recursos de segurança abrangentes, como a tecnologia de criptografia ininterrupta (Always Encrypted), ajudam a proteger seus dados fixos e em movimento, e uma solução avançada de alta disponibilidade e recuperação de desastres acrescenta novos aprimoramentos à tecnologia AlwaysOn.

As organizações terão visões mais aprofundadas de todos os seus dados com novos recursos que vão além da business intelligence, executando a análise avançada diretamente dentro de seus bancos de dados e apresentando visualizações avançadas para oferecer visões de negócios de qualquer dispositivo.

Você também pode se beneficiar da nuvem em hiperescala, com novos cenários híbridos habilitados pela nova tecnologia de banco de dados elástico (Stretch Database), que permite expandir dinamicamente seus dados transacionais a quente e a frio até o Microsoft Azure de forma segura, para que seus dados estejam sempre à disposição para consultas, independentemente do tamanho.

O SQL Server 2016 também oferece uma plataforma de banco de dados completa para a nuvem híbrida, permitindo criar, implantar e gerenciar facilmente soluções que abrangem instalações locais e na nuvem.

Saiba mais sobre ele aqui.

Fontes e Direitos Autorais: Baboo.com & https://www.microsoft.com/en-us/download/confirmation.aspx?id=54089

MICROSOFT ANUNCIA NOVIDADES NO PROGRAMA VISUAL STUDIO DEV ESSENTIALS


Lançado em novembro passado, o programa Visual Studio Dev Essentials permite que os desenvolvedores obtenham tudo que precisam para criação de aplicações para diferentes plataformas.

Microsoft anuncia novidades no programa Visual Studio Dev Essentials

PROGRAMA VISUAL STUDIO DEV ESSENTIALS

O programa Visual Studio Dev Essentials oferece acesso fácil a diferentes serviços e ferramentas da Microsoft e também inclui diversos benefícios.

microsoft-vs-de-001

O programa atualmente oferece:

Ferramentas de desenvolvimento
Editores, designers e depuradores para desenvolvimento para qualquer plataforma.

Softwares
Avaliações e downloads, de sistemas operacionais a aplicativos do Office.

Serviços de nuvem
Computação, análise, celular, Web, colaboração em equipe e mais.

Treinamento e suporte
Treinamento técnico e suporte à prioridade de nível mundial.

Como parte do seu compromisso para sempre melhorar o programa Visual Studio Dev Essentials, a Microsoft anunciou nesta quarta-feira, 3 de fevereiro, dois novos benefícios para os membros registrados:

– US$ 300 em Créditos Azure: Tenha acesso a US$ 25 por mês em créditos durante 12 meses para tirar proveito dos serviços do Azure para suas aplicações.

– Acesso aos treinamentos da Xamarin University: Comece a criar aplicativos nativos para iOS, Android e Windows Phone com os treinamentos sob demanda exclusivos da Xamarin University.

Saiba mais sobre o programa Visual Studio Dev Essentials clicando aqui.

Fontes e Direitos Autorais: Baboo.com

TREINAMENTO GRATUITO: INTERNET DAS COISAS E AZURE IOT SUITE


A Microsoft disponibilizou recentemente em sua Virtual Academy um treinamento gratuito sobre Internet das coisas e Azure IoT Suite.

A Microsoft Virtual Academy (ou MVA) oferece treinamento online da Microsoft realizado por especialistas para ajudar os tecnólogos a aprender constantemente, com centenas de cursos em múltiplos idiomas.

A MVA é gratuita e o serviço inteiro é hospedado no Microsoft Azure. Além dos treinamentos, ela também oferece para download diversos ebooks gratuitos.

Treinamento gratuito: Internet das coisas e Azure IoT Suite

A Microsoft disponibilizou recentemente em sua Virtual Academy um treinamento gratuito sobre Internet das coisas e Azure IoT Suite

INTERNET DAS COISAS E AZURE IOT SUITE

Este treinamento é dividido em quatro módulos e oferece um guia geral sobre eletrônica básica seguido de um deep-dive na estrutura de IoT fornecida dentro do Microsoft Azure.

01 | Visão geral sobre eletrônica
Neste vídeo você terá uma visão geral sobre eletrônica analógica e digital, verá o funcionamento de microcontroladores e estudará a aplicação deles em um dos dispositivos mais utilizados em IoT, o Arduíno.

02 | Sensores e Atuadores
Neste modulo você poderá conhecer alguns dos principais sensores e atuadores que podem ser agregados e utilizados em suas soluções de IoT.

03 | Conectando seus dispositivos ao Azure Iot Suite
Neste modulo você vai entender como funcionam os serviços de IoT do Azure, conehcer o Azure IoT Hub e aprender a conectar seus dispositivos registrados.

04 | Demo – Azure IoT Suite
Exemplo prático de dispositivos simulados conectando no IoT Hub, lendo os dados e enviando comandos para o dispositivo.

Confira o treinamento gratuito sobre Internet das coisas e Azure IoT Suite clicando aqui.

AZURE IOT SUITE

Desenvolvido na plataforma em nuvem Azure, o pacote Azure IoT reúne ofertas pré-configuradas que possibilitam às empresas o desenvolvimento e a instalação de soluções de Internet das Coisas (Internet of Things – IoT) de forma rápida e fácil.

Uma parte fundamental do Azure IoT Suite foi a inclusão de uma série de atualizações do Azure Stream Analytics, que irão atender necessidades comuns de empresas para instalações IoT.

As atualizações mais recentes do Stream Analytics incluem:

Suporte para entrada IoT Hub: As tarefas do Stream Analytics agora incluem o recurso Preview para a entrada de dados dos Azure IoT Hubs, possibilitando análises em tempo real de milhões de eventos vindos de todos os dispositivos conectados.

Integração de portal Azure Preview: Além de continuar disponível no portal Azure Management, o Stream Analytics passa a ser integrado ao portal Azure Preview.

Suporte a saída DocumentDB: A partir de agora, os projetos de Stream Analytics contam com uma saída para Azure DocumentDB, possibilitando o arquivamento de dados e consultas de baixa latência para dados JSON não estruturados.

TIMESTAMP BY para eventos heterogêneos: Toda vez que uma sequência de dados única apresentar vários tipos de eventos com timestamps em diferentes campos será possível usar o TIMESTAMP BY com expressões para especificar diferentes campos de timestamp para cada caso.

Saiba mais sobre o Azure IoT Suite clicando aqui.

Fontes e Direitos Autorais: Baboo.com

Microsoft promove campanha A Hora do Código


A Semana de Educação em Ciência da Computação começa nesta segunda-feira, 7, e a Microsoft dá continuidade à terceira edição da campanha A Hora do Código, que utiliza a linguagem de blocos para ensinar estudantes e professores a programar gratuitamente.

A iniciativa faz parte do YouthSpark, projeto da Microsoft destinado a gerar oportunidades de emprego e apoiar o empreendedorismo.

Microsoft promove campanha A Hora do Código

Microsoft promove campanha A Hora do Código

De hoje a 13 de dezembro, a Microsoft pretende realizar pelo menos 100 mil eventos em mais de 50 países para ensinar mais de 250 mil jovens a programar em workshops online. O objetivo é que os jovens aprendam fundamentos básicos de informática e os conceitos utilizados para fazer aplicativos, conhecimentos essenciais para profissionais do século 21. Apenas nesta semana, a companhia pretende alcançar dez milhões de jovens, número que crescerá até o fim do ano.

O CEO da Microsoft, Satya Nadella, participou do lançamento oficial da campanha A Hora do Código na escola Rainier View, em Seattle. Satya interagiu com estudantes enquanto eles utilizavam o tutorial de codificação baseado no jogo “Minecraft” – game que conta com mais de 100 milhões de jogadores em todo o mundo – para aprender conceitos básicos de programação dentro de um ambiente popular e divertido. O tutorial está disponível em todo o mundo, com versão em português para os brasileiros.

No Brasil, o Instituto Neymar Jr, já parceiro da iniciativa, proporcionará a crianças atendidas pelo projeto no litoral paulista a oportunidade de construir seu primeiro aplicativo, receber um certificado on-line e descobrir uma nova possibilidade de carreira. Outras organizações não governamentais também participarão da campanha. Entre elas estão a ATN (Associação Telecentro de Informação e Negócios), de Brasília, e o CDI (Comitê para Democratização da Informática), que promoverá workshops em parceria com quatro instituições do programa Recode em Comunidades, no Rio de Janeiro.

Professores brasileiros também têm inovado ao incluir novas tecnologias em seus planos didáticos. Ângelo Costa, professor de programação na escola MadCode e no Colégio Santa Cruz, de São Paulo, utiliza as ferramentas Kodu e Minecraft no ensino de diferentes formas de criar e aplicar a tecnologia no conteúdo visto na sala de aula. Alessandra Buriti, Professora de Tecnologia Educacional na Escola Visconde de Porto Seguro, foi uma das participantes do #EuPossoProgramar e incentiva seus alunos a aprenderem mais com a iniciativa. E há outras iniciativas de professores que você pode conferir aqui.

A campanha A Hora do Código faz parte da iniciativa Eu Posso Programar, que têm o intuito de universalizar o acesso à codificação e estimular o desenvolvimento do raciocínio lógico, a habilidade na resolução de problemas e a criatividade, alavancando inovação e oportunidades de empregabilidade e empreendedorismo.

Mais de 100 milhões de estudantes de 180 países e 40 idiomas participaram da campanha A Hora do Código, incluindo um em cada três alunos de escolas norte-americanas. Só no Brasil, 1.236.527 estudantes já participaram da campanha.

A última edição do #EuPossoProgramar aconteceu em outubro passado. Na ocasião, o Secretário Nacional da Juventude da Presidência da República, Gabriel Medina, esteve na ONG Ação Social Planalto (ASP), onde crianças fizeram o curso e receberam certificados.

Os conteúdos estão disponíveis no site www.eupossoprogramar.com e fazem parte da terceira edição da campanha A Hora do Código. O tutorial do Minecraft foi desenvolvido pelos designers do jogo em parceria com a Code.org – idealizadora do evento – e já foi utilizado mais de 2,4 milhões de vezes desde o lançamento.

Fontes e Direitos Autorais: Baboo.com – Sid Vicious @ 7 dez 2015 | 6:35 pm