De analista de sistemas a desenvolvedor web e engenheiros, todos os profissionais de TI devem procurar aprimorar as suas habilidades

Segundos Bob Violino para o Portal – CIO.com, estes são os profissionais de TI que precisam melhorar suas competências.


As iniciativas digitais não estão apenas transformando os negócios – elas também estão aumentando significativamente as competências necessárias por parte dos profissionais de TI.

Não deve ser surpresa, dado o intenso ritmo das mudanças tecnológicas, que algumas funções de TI estejam passando por uma espécie de metamorfose, para que possam se adaptar às transformações do mercado.

Nos últimos anos, fatores como o crescimento da cloud computing e a ascensão da mobilidade corporativa e da edge computing ampliaram o escopo da TI, dando novos significados a diversas carreiras em tecnologia.

Confira algumas das principais funções que os líderes de TI devem considerar, bem como sugestões de habilidades e treinamentos para gerar uma nova versão de carreira e ter maior probabilidade de sucesso na era digital.

Continue Lendo “De analista de sistemas a desenvolvedor web e engenheiros, todos os profissionais de TI devem procurar aprimorar as suas habilidades”

Metodologia de desenvolvimento low-code terá mais adesão a partir de 2020

Segundo Jennifer Gill Portal ITForum365, esta nova tendência de desenvolvimento conquistará até os desenvolvedores da old-school.


Desenvolver software de maneira visual e mais rápida; permitir que profissionais de negócios participem do desenvolvimento, melhorar o time-to-market são alguns dos benefícios mais comentados quando se pensa em desenvolvimento low-code. No entanto, os beneficios vão muito além.

Image result for imagens low-code

As plataformas de código baixo (low-code) ajudarão a minimizar os impactos causados por escassez de desenvolvedores e cientistas de dados, à medida que as empresas poderão contar com mais profissionais durante o desenvolvimento de software. Tudo isso respeitando os limites e padrões estabelecidos pela governança, para evitar falhas e riscos as organizações. A tendência é que essas plataformas conquistem até os desenvolvedores mais experientes.

Continue Lendo “Metodologia de desenvolvimento low-code terá mais adesão a partir de 2020”

Cibersegurança aplicada a banco de dados e seus desafios

Segundo Fernando A. S. F. Junior, colunista do Portal ITForum365, o aumento da conectividade da internet e da economia digital, alimenta um crescimento exponencial de dados acumulados por organizações.


Image result for imagens bancos de dados
Com o aumento da conectividade da internet e da economia digital, alimenta-se um crescimento exponencial de dados acumulados por organizações. Segundo a Forbes, em 2015, o volume de dados criado nos dois anos anteriores foi maior que a quantidade produzida por em toda história da humanidade.

Esse crescimento, aumentou muito o interesse dos cibercriminosos por promoverem invasões – e o fato de haver grande quantidade de informações em um só lugar favorece isso – e também o números de ferramentas e recursos de proteção contra ataques. Como os dados se tornaram protagonistas nas empresas, o vazamento de informações estratégicas pode resultar em processos milionários e até mesmo na quebra do negócio.

Continue Lendo “Cibersegurança aplicada a banco de dados e seus desafios”

As principais tendências de cibersegurança para 2020 na visão da Microsoft

A Microsoft divulgou quais são as principais tendências que acredita que demandarão muita atenção das organizações durante o ano de 2020.


Image result for imagens microsoft

 

“A segurança cibernética é a questão central do nosso tempo – e, na Microsoft, acreditamos ter a responsabilidade de proteger nossos clientes. É uma obrigação que adotamos”, disse Glaucia Faria Young, diretora de Engenharia e Parceiros de Software da Microsoft.

Ao redor do mundo, são gastos US$ 1 trilhão anualmente para combater o cibercrime – três vezes mais do que se gasta para reparar os estragos feitos por desastres naturais. A Microsoft, por sua vez, investe cerca de US$ 1 bilhão anualmente para combater o cibercrime e analisa mais de 8,2 trilhões de sinais todos os dias para proteger emails, identidades, aplicativos, infraestruturas, entre outros focos de ataques.

Continue Lendo “As principais tendências de cibersegurança para 2020 na visão da Microsoft”

Cursos gratuitos online sobre TI e programação são oferecidos pela Microsoft

A Microsoft possui uma das maiores plataformas de cursos online entre as empresas de tecnologia.


Image result for Microsoft Pode parecer brincadeira, mas a Microsoft conta com um  a verdadeira escola online com diversas aulas voltadas para programação, desenvolvimento, banco de dados e outros temas que cercam esse universo da tecnologia da informação.

Com dois grandes atrativos: todos os cursos são gratuitos, podem ser finalizados onde e quando você quiser, e trazem ainda certificação garantida a partir de uma determinada quantidade de horas.

A seguir, você encontra alguns dos principais cursos oferecidos gratuitamente com foco em programação. Para acessá-los, basta clicar no título de cada módulo.


1. Adicionar lógica de decisão a seu código usando a instrução if-else em C#

Aprenda a ramificar o caminho de execução de seu código avaliando expressões boolianas. Neste módulo, você vai escrever código que avalia condições usando as instruções if-elseif-else; criar expressões boolianas para avaliar uma condição; combinar expressões boolianas usando operadores lógicos; aninhar blocos de código dentro de outros blocos de código.

2. Introdução ao Python

Aprenda a escrever código básico do Python, declarar variáveis e trabalhar com entrada e saída do console. Neste módulo, você vai explorar as opções disponíveis para executar aplicativos do Python; usar o interpretador do Python para executar instruções e scripts; aprender a declarar variáveis; criar um aplicativo simples do Python que use entrada e produza saída.

3. Chamar métodos da Biblioteca de Classes do .NET usando C#

Use a funcionalidade na Biblioteca de Classes do .NET chamando métodos que retornam valores, aceitam parâmetros de entrada e mais.

Neste módulo, você vai escrever código que chama métodos sem estado na Biblioteca de Classes do .NET; criar uma instância de classes da Biblioteca de Classes do .NET para chamar métodos que mantêm o estado; use o IntelliSense para saber mais sobre um método, suas versões sobrecarregadas, seu tipo de dados de valor retornado e seus tipos de dados de parâmetro de entrada; use docs.microsoft.com para pesquisar o que um método faz, suas versões sobrecarregadas, seu tipo de valor retornado, seus parâmetros de entrada e o que cada parâmetro representa e muito mais.

4. Criar uma API Web com o ASP.NET Core

Crie um serviço RESTful com o ASP.NET Core que dá suporte a operações de CRUD (criação, leitura, atualização e exclusão). Neste módulo, você vai criar um projeto de API Web com o ASP.NET Core; criar um banco de dados em memória para manter produtos; adicionar suporte para operações CRUD; testar métodos de ação de API Web no shell de comando.

Continue Lendo “Cursos gratuitos online sobre TI e programação são oferecidos pela Microsoft”

DevOps e seus segredos obscuros

Empresas estão cada vez mais se voltando para o DevOps para apoiar as suas transformações digitais.


No começo, havia o código, e os desenvolvedores eram responsáveis ​​por tudo. Eles criaram a lógica e a mantiveram em execução nos servidores, mas isso mudou com a expansão e a diferenciação das equipes. Alguns profissionais permaneceram com o código (devs) e outros acabaram cuidando das máquinas (ops).

Atualmente, graças à nuvem e à ascensão dos microsserviços, o software se tornou uma constelação de dezenas e até milhares de componentes rodando em máquinas separadas. Cada um é tecnicamente independente, mas todas essas máquinas devem trabalhar juntas.

A principal tarefa da equipe de DevOps é fornecer toda a orquestração desses aplicativos multifacetados. Eles podem não lidar com a profundidade da arquitetura do software, mas mantêm as peças em funcionamento.

Confira algumas verdades ocultas e conceitos errôneos que têm sido amplamente divulgados.

DevOps não programa

Muitos pensam que o DevOps não faz programação – e eles estão certos. As funções divergiram, e grande parte do trabalho de lidar com bytes e estruturas de dados hoje é atribuído a desenvolvedores que vivem em um mundo diferente.

Estrategicamente, faz sentido isentar os programadores da responsabilidade de manter tudo em funcionamento, porque as suas mentes estão perdidas no meio de toda a abstração. Mas os membros da equipe de DevOps ainda precisam escrever trechos de código e pensar abstratamente sobre estruturas de dados ocultos. Manter tudo funcionando requer inúmeras linhas de comando, mas que geralmente podem ser coletadas e simplificadas.

Continue Lendo “DevOps e seus segredos obscuros”

Empresas e Startups de tecnologia estão com mais de 190 vagas de emprego abertas

Diversas empresas, startups e multinacionais com foco em tecnologia, contam com posições abertas em diferentes áreas.


Resultado de imagem para imagens Contrata-se

A disputa por talentos no setor de tecnologia não dá sinais de desacelerar. Conforme 2020 aproxima, muitas empresas correm com as contratações em dezembro para iniciar o ano com quadros completos. O setor de tecnologia emprega cerca de 681 mil pessoas no País, segundo o Tech Report 2019, da Associação Catarinense de Tecnologia (ACATE).

Mesmo assim, está longe de estar saturado: 420 mil novas vagas devem ser abertas até 2024, conforme a Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom). “Como o setor inteiro espera que o próximo ano seja mais aquecido do que o atual, a disputa por talentos deve se acirrar.

Abaixo, confira as oportunidades.

Continue Lendo “Empresas e Startups de tecnologia estão com mais de 190 vagas de emprego abertas”