Short Scripts – Maio 2020

Neste segundo post de 2020 da sessão Short Scripts, você vai encontrar 7 exemplos diferentes de como podemos utilizar as Extended Stored Procedures (XPs), algumas não documentadas no Microsoft SQL Server.


Olá boa tarde, como vai?

Seja bem-vindo, em mais um post da sessão Short Scripts, o segundo post desta sessão em 2020 e o de número 41 em seu total.

Espero que você e seus familiares se encontrem bem neste momento terrível que estamos vivendo em todo Mundo.

Mantendo a tradição estou retornando com mais um conjunto dos “curtos ou pequenos” scripts catalogados e armazenados em minha biblioteca pessoal de códigos relacionados ao Microsoft SQL Server e sua fantástica linguagem de desenvolvimento Transact-SQL.

Como promessa é dívida e deve ser cumprida “ou melhor” compartilhada, vou pagar a minha mais uma vez hoje, feita no encerramento do post anterior publicado no mês de fevereira em 2010, se por acaso você ainda não acessou o mesmo, calma, fique tranquilo, tudo vai dar certo, no encerramento deste post você terá a sua disposição a relação das últimas cinco publicações relacionadas aos Short Scripts.

Vamos caminhar mais um pouco então……..

O post de hoje

Para este post, não vou exatamente compartilhar um conjunto variado de scripts que foram catalogados nos últimos meses, ao contrário, vou disponibilizar um conteúdo que foi elaborado hoje, dedicado de forma única e exclusiva a demonstrar como podemos utilizar as chamadas Extended Stored Procedures no Microsoft SQL Server.

Em conjunto com o uso de forma de execução da Extended Stored Procedure, os exemplos de código aqui compartilhados se relacionam com os seguintes assuntos:

● Cláusula From;
● Cláusula Where;
● Comando Alter Table;
● Comando Begin;
● Comando Begin;
● Comando Create Procedure;
● Comando Create Table;
● Comando Declare;
● Comando Exec;
● Comando Execute;
● Comando Go;
● Comando Insert;
● Comando Reconfigure;
● Comando Select;
● Comando Set;
● Comando Union;
● Comando Update;
● Comando Use;
● DataType Char();
● DataType Datetime;
● DataType Decimal();
● DataType Varchar();
● Diretiva Set;
● Extended Stored Procedure XP_CMDShell;
● Extended Stored Procedure XP_ExecResult;
● Extended Stored Procedure XP_FixedDrives;
● Extended Stored Procedure XP_ReadErrorLog;
● Extended XP_Delete_File;
● Função Convert();
● Função DataLength();
● Função DateAdd();
● Função GetDate();
● System Stored Procedure SP_Configure;
● System Stored Procedure SP_Help; e
● Variáveis.
 

Chegou a hora, mãos nos teclados, a seguir apresento os códigos e exemplos selecionados para o Short Script – Maio 2020. Vale ressaltar que todos os scripts publicados nesta sessão foram devidamente testados, mas isso não significa que você pode fazer uso dos mesmo em seu ambiente de produção, vale sim todo cuidado possível para evitar maiores problemas.

Fique à vontade para compartilhar, comentar e melhorar cada um destes códigos.


Short Scripts

— Exemplo 1 — Identificando a porta Padrão do Microsoft SQL Server através da XP_ReadErrorLog —
Use Master
Go

Exec XP_readerrorlog 0, 1, N’Server is listening on’
Go

— Exemplo 2 — Habilitando a Extended Stored Procedure XP_CMDShell -utilizand a Sigla DSH —

— Ativando a exibição das configurações avançadas —
EXECUTE sys.sp_configure @configname = ‘show advanced options’,@configvalue = 1
Go

— Aplicando a alteração —
Reconfigure
Go

— Ativando para uso da XP_CMDShell —
EXECUTE sys.sp_configure @configname = ‘dsh’,@configvalue = 1
Go

— Aplicando a alteração —
Reconfigure
Go

Observação: Como você deve ter percebido, para se fazer uso da Extended Stored Procedure XP_CMDShell, que por padrão vem desabilitada nas configurações internas do SQL Server, temos a necessidade de ativar a exibição das configurações avançadas da nossa instância ou servidor, utilizando a System Stored Procedure SP_Configure, e posteriormente ativar da XP_ CMDShell.

Caso queira saber mais sobre este recurso e demais configurações existentes, acesse:

— Exemplo 3 — Obtendo a quantidade de Megabytes livres em disco através da XP_FixedDrives
Exec xp_fixeddrives
Go

— Exemplo 4 — Excluíndo arquivos específicos através da XP_DeleteFile
Declare @DateString CHAR(10)
Set @DateString = CONVERT(CHAR(10), DATEADD(d, -2, GETDATE()), 103)

Execute master.dbo.xp_delete_file 0, N’E:\MSSQL2012-Backup\BaanModelEA’,N’bak’, @DateString, 1
Go

— Exemplo 5 — Importando o conteúdo de arquivos .csv para dentro de uma tabela através da XP_CMDShell
CREATE TABLE Test
(Empid varchar(6),
Empname varchar(100),
BirthDate datetime,
Salary decimal(12,2),
Nome Varchar(2000))
Go

INSERT INTO Test
SELECT ‘EMP001′,’Suresh’,’19910619′,3000,’Pedro Galvão’
UNION ALL
SELECT ‘EMP002′,’Ramesh’,’19710103′,20000,’Teste’
UNION ALL
SELECT ‘EMP003′,’Nilesh’,’19800722′,4760,”
UNION ALL
SELECT ‘EMP004′,’Kumar’,’19680911′,42000,”
Go

Declare @Comando Varchar(500)
Set @Comando=’bcp Master..Test out c:\teste.csv -SServer -c -t, /CACP -T’

Exec xp_cmdshell @Comando
Go

— Exemplo 6 — Armazenando o Endereço de IP em uma tabela, através da execução de uma Stored Procedure, com base no resultado da XP_CMDShell —

— Exibindo as configurações avançadas —
EXEC sp_configure ‘show advanced options’, 1
Go

— Aplicando a alteração —
RECONFIGURE
Go

— Ativando o uso da XP_CMDShell —
EXEC sp_configure ‘xp_cmdshell’, 1
Go

— Aplicando a alteração —
RECONFIGURE
Go


Create Procedure P_RetornarIP @IP VarChar(25) Output
As
Begin

Set NoCount On

Declare @Auditoria2 Table
(Codigo Int Identity(1,1),
IP VarChar(2000))

Set RowCount 8

Insert Into @Auditoria2
exec master.dbo.xp_cmdshell ‘ipconfig’

Select @IP=(Select Replace(Substring(IP,CharIndex(‘:’,IP,1),25),’:’,”) from @Auditoria2
Where Codigo = 8)

End

Create Table Auditoria
(Codigo Int Identity(1,1),
HostName VarChar(20) Null)

Declare @IP VarChar(25)

Exec P_RetornarIP @IP OutPut
Insert Into Auditoria Values (@IP)

Select * from Auditoria
Go

— Exemplo 7 — Executando uma Instrução Transact-SQL através da XP_ExecResultSets —
Exec Master..XP_ExecResultSet ‘Select ”SP_help ””produtos”””’, ‘BancoDeDados’
Go

Exec Master..XP_ExecResultSet ‘Select ”Select * From produtos”’, ‘BancoDeDados’
Go


Muito bem, missão mais que cumprida!

Uma nova relação de short scripts acaba de ser compartilhada, mesmo sendo denominados shorts entre aspas “curtos ou pequenos”, posso garantir que todos estes exemplos são de grande importância, apresentam um valor e conhecimento do mais alto nível.

Chegamos ao final de mais um Short Scripts, espero que este material possa lhe ajudar, ilustrando o uso de alguns recursos e funcionalidades do Microsoft SQL Server.

Acredito que você tenha observado que estes códigos são conhecidos em meu blog, todos estão relacionados aos posts dedicados ao Microsoft SQL Server publicados no decorrer dos últimos anos.

Boa parte deste material é fruto de um trabalho dedicado exclusivamente a colaboração com a comunidade, visando sempre encontrar algo que possa ser a solução de um determinado problema, bem como, a demonstração de como se pode fazer uso de um determinado recurso.

Links

Caso você queira acessar os últimos posts desta sessão, não perca tempo acesse os links listados abaixo:

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2020/02/05/8295/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2019/11/15/short-scripts-novembro-2019/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2019/09/11/short-scripts-setembro-2019/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2019/06/08/short-scripts-junho-2019/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2019/03/15/short-scripts-marco-2019/

Agradecimento

Obrigado mais uma vez por sua visita, fico honrado com sua ilustre presença ao meu blog, desejo e espero que você possa ter encontrado algo que lhe ajudou.

Volte sempre, nos encontraremos mais uma vez na sessão Short Scripts no post a ser publicado no mês de agosto em 2020.

Um forte abraço, saúde e paz.

Até mais.

Material de Apoio – Abril 2020

Material de Apoio número 167….


Bom dia, bom dia, bom dia…

Seja bem-vindo a mais um post da sessão Material de Apoio.

Como tem passou estes dias desde o nosso último post? Tenho a noção que não esta sendo fácil aguentar esta quarentena, não é mesmo! Todavia é o melhor que podemos fazer, ficar em casa nos cuidando e principalmente evitando que esta doença possa se espalhar ainda mais.

Pensando neste atual cenário, estou mais uma vez aqui no meu blog, neste sábado dia 18/04, o qual representa o meu 34º (Trigéssimo quarto) dia de quarentena, com o objetivo de empenhar-se para encontrar uma maneira de lhe auxiliar a passar o tempo, em adicional propor uma forma de renovar o seu conhecer.

Introdução

Você vai encontrar em cada post desta sessão uma imagem que representa não exatamente o conteúdo do post, mas sim a época, período ou estação do ano em que o mesmo foi publicado, uma forma diferente e até mesmo divertida que encontrei para tentar te ajudar a se lembrar do que você acessou em mais esta visita.

Essa não é uma sugestão minha, tenho sempre recebido e-mails de visitantes que estavam gostando do conteúdo do post, mas as vezes não conseguiam se lembrar o que havia sido acessado, foi ai que pensei em adicionar uma imagem, figura ou símbolo que traga uma certa lembrança mais rápido e fácil ao visitante.

Para o post de hoje, nada mais coerente do que adicionar uma que representa a quarentena que estamos vivendo, a qual seria o símbolo que identificada o risco de morte,  denominada Figura 1 apresentada a seguir:

Image result for quarentenaFigura 1 – Simbolo que representa conteúdo compartilhado no post 167.

O post de hoje

Representa o primeiro post desta sessão no ano de 2020 e de número 167 no total da mesma.

Para aqueles que já acompanham o meu blog a um certo tempo, os posts dedicados a sessão Material de Apoio, possuem o objetivo de compartilhar o conhecimento de recursos, funcionalidades e procedimentos que podemos realizar no Microsoft SQL Server.

Todos os arquivos compartilhados neste post, que atualmente estão compondo a minha galeria de códigos formada ao longo dos anos de trabalho como DBA e atualmente como Professor de Banco de Dados, foram concebidos com base nas atividades realizadas mediantes aos meus estudos e consultorias aplicadas ao Microsoft SQL Server em seus mais diversos recursos e funcionalidades.

Destaco que os arquivos a seguir, não necessariamente representam a melhor solução, na verdade os respectivos códigos e scripts satisfazem um possível entendimento da minha parte de acordo com o cenário ao qual o mesmo foi analisado e implementado.

Neste post você vai encontrar arquivos relacionados com os seguintes temas:

° Anexar arquivos;
° Banco de Dados;
° Cálculo de Juros;
° Cláusula From;
° Cláusula Order By;
° Cláusula Where;
° Comando Begin;
° Comando Begin Try;
° Comando Close;
° Comando Create Procedure;
° Comando Deallocate;
° Comando Declare;
° Comando Delete;
° Comando End Try;
° Comando Exec;
° Comando Fetch Next;
° Comando Insert;
° Comando Print;
° Comando Return;
° Comando Select;
° Comando Top;
° Comando Update;
° Comando Use;
° Cursor;
° Dias de Atraso;
° Diretiva Set NoCount;
° Extended Stored Procedure;
° Information_Schema;
° INFORMATION_SCHEMA.TABLES;
° Junções Inner Join;
° Nome de Colunas;
° Nome de Tabelas;
° Operador Lógico Condicional And;
° Operador Lógico Condicional IF;
° Operador Lógico Condicional Or;
° Operador Lógico Condicional While;
° Parcelas;
° SP_ExecuteSQL;
° System Function Concat();
° System Function DatabasePropertyEx();
° System Function IsNull;
° System Function Lower();
° System Function RTrim();
° System Stored Procedure;
° System Stored Procedure SP_Attach_Single_File_DB;
° Tipo de Dados NVarchar();
° Variáveis;
° Visão de Sistema Sys.Databases; e
° XP_CMDShell.

Espero que este conteúdo possa lhe ajudar em seus atividades profissionais e acadêmicas. Por questões de compatibilidade com a plataforma WordPress.com, todos os arquivos estão renomeados com a extensão .docx ao final do seu respectivo nome, sendo assim, após o download torna-se necessário remover esta extensão, mantendo somente a extensão padrão .sql ou abrir em algum editor de texto similar ao Notepad.

Material de Apoio

1 – Material de Apoio – Abril 2020 – Simulando a Somatória entre Data e Hora entre Compatibility_Levels diferentes.sql

2 – Material de Apoio – Abril 2020 – Identificando o horário de inicialização do Sistema Operacional.sql

3 – Material de Apoio – Abril 2020 – Simulando movimentação de estoque de acordo com o código e indicador de movimentação.sql

4 – Material de Apoio – Abril 2020 – Trazendo o nome da tabela armazenada na Information_Schema + Colunas.sql

5 – Material de Apoio – Abril 2020 – Anexando diversos arquivos de bancos de dados via linha de comando.sql

6 – Material de Apoio – Abril 2020 – Calculando o Juros Percentual com base na quantidade de dias de atraso.sql

 

Fique a vontade para copiar, editar, compartilhar e distribuir estes arquivos com seus contatos, aproveite se possível deixe seu comentário, críticas, sugestões e observações.

Nota: Todos os arquivos disponibilizados foram obtidos ou criados com autorização de seus autores, sendo estes, passíveis de direitos autorais.

Links

Caso você queira acessar os posts anteriores da sessão, não perca tempo utilize os links listados abaixo:

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2019/12/20/material-de-apoio-dezembro-2019/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2019/10/16/material-de-apoio-outubro-2019/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2019/08/20/material-de-apoio-agosto-2019/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2019/06/25/material-de-apoio-junho-2019/


Feedback

Espero que você esteja gostando do conteúdo aqui disponibilizado, como também, possa me ajudar a torná-lo ainda melhor no decorrer do tempo com a sua participação, preenchendo o formulário abaixo:


Agradecimento

Quero agradecer imensamente a sua visita, sinto-me honrado e orgulhoso de contar com a sua presença.

Não deixe de acessar os outros posts das demais sessões, o próximo post desta sessão será publicado no mês de junho de 2020.

Fique em casa, neste momento é o melhor que podemos fazer, continue aproveitando cada momento da sua vida, desfrutando com muita sabedoria, galeria e esperança.

Até mais.

Material de Apoio – Dezembro 2019

Material de Apoio número 166….


Muito boa tarde…..

Seja bem-vindo a mais um post da sessão Material de Apoio.

Como tem passou estes dias desde o nosso último post? Eu acredito que esteja tudo bem, pois não faz tanto tempo assim desde o nosso último encontro aqui no meu blog.

Introdução

Você vai encontrar em cada post desta sessão uma imagem que representa não exatamente o conteúdo do post, mas sim a época, período ou estação do ano em que o mesmo foi publicado, uma forma diferente e até mesmo divertida que encontrei para tentar te ajudar a se lembrar do que você acessou em mais esta visita.

Essa não é uma sugestão minha, tenho sempre recebido e-mails de visitantes que estavam gostando do conteúdo do post, mas as vezes não conseguiam se lembrar o que havia sido acessado, foi ai que pensei em adicionar uma imagem, figura ou símbolo que traga uma certa lembrança mais rápido e fácil ao visitante.

Para o post de hoje, nada mais coerente que do adicionar a imagem de uma árvore como símbolo, a qual seria um Pinheiro, denominada Figura 1 apresentada a seguir:

Image result for árvore pinheiroFigura 1 – Simbolo que representa conteúdo compartilhado no post 166.

O post de hoje

Representa o que encerra esta sessão no ano de 2019 e de número 166 no total da mesma.

Para aqueles que já acompanham o meu blog a um certo tempo, os posts dedicados a sessão Material de Apoio, possuem o objetivo de compartilhar o conhecimento de recursos, funcionalidades e procedimentos que podemos realizar no Microsoft SQL Server.

Todos os arquivos compartilhados neste post, que atualmente estão compondo a minha galeria de códigos formada ao longo dos anos de trabalho como DBA e atualmente como Professor de Banco de Dados, foram concebidos com base nas atividades realizadas mediantes aos meus estudos e consultorias aplicadas ao Microsoft SQL Server em seus mais diversos recursos e funcionalidades.

Destaco que os arquivos a seguir, não necessariamente representam a melhor solução, na verdade os respectivos códigos e scripts satisfazem um possível entendimento da minha parte de acordo com o cenário ao qual o mesmo foi analisado e implementado.

Neste post você vai encontrar arquivos relacionados com os seguintes temas:

◦ Backup Database;
◦ Comando Alter Database;
◦ Comando Begin Transaction;
◦ Comando Checkpoint;
◦ Comando Commit Transaction;
◦ Comando Create Clustered Index;
◦ Comando Create Table;
◦ Comando DBCC CheckDB;
◦ Comando Declare;
◦ Comando Insert;
◦ Comando RollBack Transaction;
◦ Comando Select;
◦ Comando ShutDown;
◦ Comando Update;
◦ Comando Use;
◦ Comando While;
◦ Corromper Páginas de Dados;
◦ Criar Banco de Dados;
◦ Database Recovery Model;
◦ Database Status Emergency;
◦ Database UserAcess;
◦ Database Version;
◦ DataType BigInt;
◦ DataType Varchar();
◦ Diretiva Set NoCount;
◦ Falha em Ambiente de Banco de Dados;
◦ Index Clustered;
◦ Restaurar Páginas de Dados;
◦ Restore Database;
◦ System Function DATABASEPROPERTYEX();
◦ System Stored Procedure SP_Attach_DB;
◦ System Stored Procedure SP_DBOption; e
◦ System Stored Procedure SP_Detach_DB.

Espero que este conteúdo possa lhe ajudar em seus atividades profissionais e acadêmicas. Por questões de compatibilidade com a plataforma WordPress.com, todos os arquivos estão renomeados com a extensão .docx ao final do seu respectivo nome, sendo assim, após o download torna-se necessário remover esta extensão, mantendo somente a extensão padrão .sql ou abrir em algum editor de texto similar ao Notepad.

Material de Apoio

1 – Material de Apoio – Dezembro 2019 – Simulando como Corromper e Restaurar Páginas de Dados.sql

2 – Material de Apoio – Dezembro 2019 – Recuperação de Dados – Criando o Banco de Dados.sql

3 – Material de Apoio – Dezembro 2019 – Recuperação de Dados – Restauração de Backups e Recuperação do Banco de Dados.sql

4 – Material de Apoio – Dezembro 2019 – Recuperação de Dados – Simulando a Falha no Ambiente – Database – Status – Emergency.sql

Fique a vontade para copiar, editar, compartilhar e distribuir estes arquivos com seus contatos, aproveite se possível deixe seu comentário, críticas, sugestões e observações.

Nota: Todos os arquivos disponibilizados foram obtidos ou criados com autorização de seus autores, sendo estes, passíveis de direitos autorais.

Links

Caso você queira acessar os posts anteriores da sessão, não perca tempo utilize os links listados abaixo:

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2019/10/16/material-de-apoio-outubro-2019/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2019/08/20/material-de-apoio-agosto-2019/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2019/06/25/material-de-apoio-junho-2019/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2019/04/17/material-de-apoio-abril-2019/


Feedback

Espero que você esteja gostando do conteúdo aqui disponibilizado, como também, possa me ajudar a torná-lo ainda melhor no decorrer do tempo com a sua participação, preenchendo o formulário abaixo:


Agradecimento

Quero agradecer imensamente a sua visita, sinto-me honrado e orgulhoso de contar com a sua presença.

Não deixe de acessar os outros posts das demais sessões, o próximo post desta sessão será publicado no mês de fevereiro de 2020.  Até lá, continue aproveitando cada momento da sua vida, desfrutando com muita sabedoria os momentos de galeria e também os desafios que são colocados ao seu redor.

Um forte abraço, Feliz Natal e Próspero Ano Novo.

Obrigado.

Material de Apoio – Outubro 2019

Material de Apoio número 165….


Muito bom dia…..

 

Seja bem-vindo a mais um post da sessão Material de Apoio.

Como tem passou estes dias desde o nosso último post? Eu acredito que esteja tudo bem, pois não faz tanto tempo assim desde o nosso último encontro aqui no meu blog.

Quero aproveitar e compartilhar com você destacando o quanto este post é especial, nele além dos tradicionais arquivos e demais conteúdos disponibilizados, você vai encontrar duas novidades que preparei para serem adicionados a cada novo post da sessão Material de Apoio.

E ai, ficou curioso? Calma que a primeira novidade já esta logo abaixo.

Introdução

De uma forma mais objetiva e direta, você vai encontrar em cada post desta sessão uma imagem que representa não exatamente o conteúdo do post, mas sim a época, período ou estação do ano em que o mesmo foi publicado, uma forma diferente e até mesmo divertida que encontrei para tentar te ajudar a se lembrar do que você acessou em mais esta visita.

Essa não é uma sugestão minha, na verdade nos últimos dias recebi alguns e-mails de visitantes que estavam gostando do conteúdo do post, mas as vezes não conseguiam se lembrar o que havia sido acessado, foi ai que pensei em adicionar uma imagem, figura ou símbolo que traga uma certa lembrança mais rápido e fácil ao visitante.

Para o post de hoje, nada mais coerente que do adicionar a imagem de uma árvore como símbolo, a qual seria um Ipê amarelo, denominada Figura 1 apresentada a seguir:

Image result for Arvore IpeFigura 1 – Simbolo que representa conteúdo compartilhado no post 165.

Bom agora que já conhecemos a primeira novidade, vamos avançar mais um pouco e conhecer mais sobre o post de hoje e seu conteúdo.

O post de hoje

Este é o quinto post da sessão em 2019 e de número 165 no total da mesma.

Para aqueles que já acompanham o meu blog a um certo tempo, os posts dedicados a sessão Material de Apoio, possuem o objetivo de compartilhar o conhecimento de recursos, funcionalidades e procedimentos que podemos realizar no Microsoft SQL Server.

Coletei os mais recentes scripts obtidos nos meses de agosto, setembro e outubro, oriundos de questões apresentadas nos fóruns MSDN/TechNet, é justamente ai que esta importante ferramenta disponível na internet aparece, todos os arquivos compartilhados neste post, que atualmente estão compondo a minha galeria de códigos formada ao longo dos anos de trabalho como DBA e atualmente como Professor de Banco de Dados, foram concebidos com base no entendimento das respectivas dúvidas relacionadas ao Microsoft SQL Server em seus mais diversos recursos e funcionalidades.

Destaco que os arquivos a seguir, não necessariamente foram considerados como respostas para as questões ou dúvidas, como também, não representam a melhor solução, na verdade os respectivos códigos e scripts satisfazem um possível entendimento da minha parte para com a  necessidade e interpretação do autor da dúvida em si.

Neste post você vai encontrar arquivos relacionados com os seguintes temas:

◦ 1 – Identity;
◦ 2 – Transações;
◦ 3 – Serviços do SQL Server;
◦ 4 – Extended Procedure XP_ServiceControl;
◦ 5 – Função Ident_Current;
◦ 6 – Função Scope_Identity;
◦ 7 – Variáveis de Sistema;
◦ 8 – Comando Begin Transaction;
◦ 9 – Comando Rollback Transaction;
◦ 10 – Comando Commit Transaction;
◦ 11 – Diretiva Set Identity_Insert On;
◦ 12 – Diretiva Set Identity_Insert Off;
◦ 13 – Sequencia Numérica;
◦ 14 – DMV sys.dm_server_services;
◦ 15 – Comando DBCC CheckIdent();
◦ 16 – Comando Create Table;
◦ 17 – Comando Insert;
◦ 18 – Comando Select;
◦ 19 – Visão de sistema sys.servers;
◦ 20 – Visão de sistema sys.sysservers;
◦ 21 – Comando Exec;
◦ 22 – Comando Update;
◦ 23 – Constraint Default;
◦ 24 – Data Type DateTime;
◦ 25 – Função GetDate();
◦ 26 – Envio de E-mails;
◦ 27 – Lista de Remententes;
◦ 28 – Função de sistmea sp_send_dbmail;
◦ 29 – Comando Distinct;
◦ 30 – Função Stuff(); e
◦ 31 – Formatação For XML Path().

Espero que este conteúdo possa lhe ajudar em seus atividades profissionais e acadêmicas. Por questões de compatibilidade com a plataforma WordPress.com, todos os arquivos estão renomeados com a extensão .docx ao final do seu respectivo nome, sendo assim, após o download torna-se necessário remover esta extensão, mantendo somente a extensão padrão .sql.

Material de Apoio

1 – Material de Apoio – Outubro 2019 – Calculando transações por banco de dados desde a inicialização do serviço do SQL Server

2 – Material de Apoio – Outubro 2019 – Monitorando – Serviços SQL Server através da xp_servicecontrol

3 – Material de Apoio – Outubro 2019 – Identificando e analisando as diferenças entre Ident_Current, Scope_Identity e Variável de Sistema Identity

4 – Material de Apoio – Outubro 2019 – Identificando e contando as transações abertas através do Begin Transaction

5 – Material de Apoio – Outubro 2019 – Refazendo Numeração Identity

6 – Material de Apoio – Outubro 2019 – Diretiva Set Identity_Insert On

7 – Material de Apoio – Outubro 2019 – Criando Sequencia Numérica – Sem Identity

8 – Material de Apoio – Outubro 2019 – Enviando – Email – Lista de Remetentes

9 – Material de Apoio – Outubro 2019 – Utilizando – sys.dm_server_services – Identificando a conta que esta executando os serviços do SQL Server

10 – Material de Apoio – Outubro 2019 – Retornando a Relação de Serviços ou Servers – SQL Server

Fique a vontade para copiar, editar, compartilhar e distribuir estes arquivos com seus contatos, aproveite se possível deixe seu comentário, críticas, sugestões e observações.

Nota: Todos os arquivos disponibilizados foram obtidos ou criados com autorização de seus autores, sendo estes, passíveis de direitos autorais.

Links

Caso você queira acessar os posts anteriores da sessão, não perca tempo utilize os links listados abaixo:

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2019/08/20/material-de-apoio-agosto-2019/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2019/06/25/material-de-apoio-junho-2019/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2019/04/17/material-de-apoio-abril-2019/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2019/02/04/material-de-apoio-fevereiro-2019/

 

Agora vou apresentar a segunda novidade, que ao meu ver é a mais importante, a sua participação o seu feedback, que em cada post será de suma importância, me ajudando de forma construtiva a melhor o conteúdo aqui compartilhado.


Feedback

Espero que você esteja gostando do conteúdo aqui disponibilizado, como também, possa me ajudar a torná-lo ainda melhor no decorrer do tempo com a sua participação, preenchendo o formulário abaixo:


Agradecimento

Quero agradecer imensamente a sua visita, sinto-me honrado e orgulhoso de contar com a sua presença.

Não deixe de acessar os outros posts das demais sessões, o próximo post desta sessão será publicado no mês de dezembro (2019 já encontra-se no seu fim), até lá, continue aproveitando cada momento da sua vida, desfrutando com muita sabedoria os momentos de galeria e também os desafios que são colocados ao seu redor.

Um forte abraço, aproveite a sua semana.

Obrigado.

Material de Apoio – Agosto 2019


Hello everybody, good morning.

 

Seja bem-vindo a mais um post da sessão Material de Apoio. Como você tem passou estes dias desde o nosso último post? Eu acredito que esteja tudo bem, pois não faz tanto tempo assim desde o nosso último encontro aqui no meu blog.

 

Posso dizer que o mês de julho foi bastante intenso e repleto de atividades, mesmo estando alguns dias em casa e curtindo um pequeno Descanso em conjunto com a minha família, me dediquei muito a participar a manter uma das minhas principais atividades como MVP em Data Platform, cuidar dos fóruns MSDN/TechNet aqui no Brasil dedicados exclusivamente ao Microsoft SQL Server, não foi fácil, por incrível que parece nestes últimos 40 dias o volume de participantes e questões cresceu de forma considerável, isso é muito bom, várias e várias questões interessantes e desafiadoras, e como eu sempre digo aprender não custa nada, na verdade custa sim, custa você querer e se dedicar. Não é mesmo!

 

Mas qual é o motivo de iniciar mais este post falando sobre os fóruns MSDN/TechNet, calma, fique tranquilo, daqui a pouco você vai descobrir. Dando continuidade, estou de volta cumprindo a minha missão de colaborar e compartilhar com a comunidade técnica mais um post desta que é uma das sessões mais importantes existentes no meu blog.

Espero que você esteja gostando do conteúdo aqui disponibilizado, como também, possa me ajudar a torná-lo ainda melhor no decorrer do tempo com a sua participação.

 

O post de hoje

Seja bem-vindo a mais um post da sessão Material de Apoio, sendo o quarto post da sessão em 2019 e de número 164 no total da mesma.

Para aqueles que já acompanham o meu blog a um certo tempo, os posts dedicados a sessão Material de Apoio, possuem o objetivo de compartilhar o conhecimento de recursos, funcionalidades e procedimentos que podemos realizar no Microsoft SQL Server.

Hoje será um pouco diferente, estou trazendo alguns dos mais recentes scripts catalogados nos meses de junho e julho, oriundos de questões apresentadas nos fóruns MSDN/TechNet, é justamente ai que esta importante ferramenta disponível na internet aparece, todos os arquivos compartilhados neste post, que atualmente estão compondo a minha galeria de códigos formada ao longo dos anos de trabalho como DBA e atualmente como Professor de Banco de Dados, foram concebidos com base no entendimento das respectivas dúvidas relacionadas ao Microsoft SQL Server em seus mais diversos recursos e funcionalidades.

Destaco que os arquivos a seguir, não necessariamente foram considerados como respostas para as questões ou dúvidas, como também, não representam a melhor solução, na verdade os respectivos códigos e scripts satisfazem um possível entendimento da minha parte para com o possível entendimento e interpretação do que o participante post.

Neste post você vai encontrar arquivos relacionados com os seguintes temas:

◦ 1 – Bloqueios de Querys e Transações;
◦ 2 – Cláusula Where;
◦ 3 – Comando Begin
◦ 4 – Comando Case When;
◦ 5 – Comando Case;
◦ 6 – Comando Create Table
◦ 7 – Comando Declare;
◦ 8 – Comando End;
◦ 9 – Comando Insert;
◦ 10 – Comando Select;
◦ 11 – Comando Set;
◦ 12 – Comando Union All;
◦ 13 – Comando Union;
◦ 14 – Common Table Express
◦ 15 – Concatenação de Strings;
◦ 16 – Consumo de Energia;
◦ 17 – DataType Int,
◦ 18 – DataType SmallInt,
◦ 19 – DataType TinyInt;
◦ 20 – Derived Table
◦ 21 – Encontrando HeadBlockers;
◦ 22 – Extended Stored Procedure XP_Regread;
◦ 23 – Função Stuff();
◦ 24 – Gerando Totais e Subtotais;
◦ 25 – Isolation Level Read Committed;
◦ 26 – Isolation Level Read Uncommitted;
◦ 27 – Movimentação de Saldo de Estoque;
◦ 28 – Níveis de Hierarquia de dados;
◦ 29 – Níveis de Isolamento;
◦ 30 – Operador Cross Apply;
◦ 31 – Operador Lógico Condicional While;
◦ 32 – Operador Outer Apply;
◦ 33 – Transferindo o Saldo de Estoque para o próximo mês;
◦ 34 – Visão de Compatibilidade sys.sysprocesses.

Espero que este conteúdo possa lhe ajudar em seus atividades profissionais e acadêmicas. Por questões de compatibilidade com a plataforma WordPress.com, todos os arquivos estão renomeados com a extensão .docx ao final do seu respectivo nome, sendo assim, após o download torna-se necessário remover esta extensão, mantendo somente a extensão padrão .sql.

Material de Apoio

1 – Material de Apoio – Agosto – 2019 – Consultando as configurações de energia do servidor.sql

2 – Material de Apoio – Agosto – 2019 – Entendendo os operador Apply em conjunto com Cross e Outer.sql

3 – Material de Apoio – Agosto – 2019 – Identificando o nível de isolamento atualmente em uso.sql

4 – Material de Apoio – Agosto – 2019 – Montando uma Derived Table.sql

5 – Material de Apoio – Agosto – 2019 – Analisando movimentação de Saldos e transportando para o próximo mês caso necessário.sql

6 – Material de Apoio – Agosto – 2019 – Concatenação de string diretamente no select + Stuff.sql

7 – Material de Apoio – Agosto – 2019 – Encontrando HeadBlockers e resolvendo bloqueios.sql

8 – Material de Apoio – Agosto – 2019 – Gerando totais e subtotais parciais agrupando dados sem nível de hierarquia.sql

9 – Material de Apoio – Agosto – 2019 – Transaction Isolation Levels – Read Committed e Read Uncommitted.sql

10 – Material de Apoio – Agosto – 2019 – Criando uma agenda com intervalos de 30 minutos.sql

Fique a vontade para copiar, editar, compartilhar e distribuir estes arquivos com seus contatos, aproveite se possível deixe seu comentário, críticas, sugestões e observações.

Nota: Todos os arquivos disponibilizados foram obtidos ou criados com autorização de seus autores, sendo estes, passíveis de direitos autorais.

Links

Caso você queira acessar os posts anteriores da sessão, não perca tempo utilize os links listados abaixo:

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2019/06/25/material-de-apoio-junho-2019/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2019/04/17/material-de-apoio-abril-2019/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2019/02/04/material-de-apoio-fevereiro-2019/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2018/12/18/material-de-apoio-dezembro-2018/

Agradecimento

Quero agradecer imensamente a sua visita, sinto-me honrado e orgulhoso de contar com a sua presença.

Não deixe de acessar os outros posts das demais sessões, o próximo post desta sessão será publicado no mês de outubro, até lá, continue aproveitando cada momento da sua vida, desfrutando com muita sabedoria os momentos de galeria e também os desafios que são colocados ao seu redor.

A strong embrace, great health, success, we meet soon.

Thanks.

Short Scripts – Setembro 2017


Muito boa tarde!!! Olá galera….

Após mais um sábado de aulas na Fatec São Roque, chegou a hora de se dedicar a comunidade de tecnologia, mais especificamente aos amantes de bancos de dados.

Como promessa é dívida e deve ser cumprida “ou melhor” paga, estou pagando a minha feita a exatos três meses no final do último post da sessão Short Scripts, hoje publicando mais um conjunto de scripts adicionados a minha biblioteca particular de códigos e exemplos nos últimos meses.

O post de hoje

Como de costume selecionei os principais scripts armazenados recentemente na minha biblioteca de códigos, que apresentam os seguintes assuntos:

  • Cálculo de Datas;
  • Comando Select;
  • Computed Column;
  • CTE Recursiva;
  • Formatação de Plano de Contas;
  • Função Format();
  • Função Parse();
  • Operador Cross Apply;
  • Operador Outer Apply;
  • Scalar User Defined Function;
  • Sequência Fibonacci; e
  • Sequência numérica de CEPs.

Chegou a hora, mãos nos teclados, a seguir apresento os códigos e exemplos selecionados para o Short Script – Setembro 2017. Vale ressaltar que todos os scripts publicados nesta sessão foram devidamente testados, mas isso não significa que você pode fazer uso dos mesmo em seu ambiente de produção, vale sim todo cuidado possível para evitar maiores problemas.

Fique a vontade para compartilhar, comentar e melhorar cada um destes códigos.

Short Scripts

— Short Script 1  – Calculando o Ano e Mês posterior através do ano e mês  —

Declare @AnoMes int = 201712

Declare @AnoMesPosteriorDate date = DATEADD(MONTH, @AnoMes % 100, DATEADD(YEAR, @AnoMes / 100 – 1900, 0))

Declare @AnoMesPosterior int = YEAR(@AnoMesPosteriorDate) * 100 + Month(@AnoMesPosteriorDate)

Select @AnoMes, @AnoMesPosterior
Go

— Short Script 2  –  Comando Select especificando o nome da coluna e o valor através do sinal de igual —

Select ‘1/0’ = ‘Hello’, ‘2…’ = ‘teste’
Go

— Short Script 3  – Formatando a apresentação de um Plano de Contas —

DECLARE @tableDados TABLE ( Codigo VARCHAR(100) )

INSERT  INTO @tableDados
        SELECT  ‘1.0.0.0.0.00.00’
        UNION  ALL
        SELECT  ‘1.1.0.0.0.00.00’
        UNION ALL
        SELECT  ‘1.1.1.1.2.00.00’
        UNION ALL
        SELECT  ‘2.3.7.1.1.01.00’
        UNION ALL
        SELECT  ‘2.3.2.0.5.00.00’

SELECT  Codigo FROM @tableDados

SELECT TD.Codigo,  LEFT(TD.CODIGO, LEN(TD.CODIGO) – PATINDEX(‘%[1-9]%’, REVERSE(TD.CODIGO)) + 1)
FROM @tableDados AS TD
Go

— Short Script 4  –  Formatando a apresentação de dados através das funções Parse() e Format() —

Declare @Valor Varchar(10)
Set @Valor=’1,540.20′

Select @Valor As Antes, PARSE(@Valor As money Using ‘en-US’) As Depois

Select FORMAT(Cast(@Valor As Money),’C’,’pt-BR’)
Go

— Short Script 5  – Analisando as diferentes de comportamente entre os operadores Cross Apply e Outer Apply —

Declare @Tabela1 Table
(Codigo Int,
Valor Int)

Declare @Tabela2 Table
(Codigo Int,
Valor Int)

Insert Into @Tabela1 Values (1,1),(2,2),(Null, Null)
Insert Into @Tabela2 Values (1,1),(2,2),(3,3),(4,4),(5,5), (Null, Null)

— Utilizando operador Outer Apply —
Select T.Codigo,
T.Valor
From @Tabela1 T Outer Apply (Select Codigo From @Tabela2
Where Codigo = T.Codigo) As T2

— Utilizando operador Cross Apply —
Select T.Codigo,
T.Valor
From @Tabela1 T Cross Apply (Select Codigo From @Tabela2
Where Codigo = T.Codigo) As T2

— Short Script 6  – Criando a sequência Fibonacci de valores —

Create Table Sequence
(Code Int Primary Key Identity(1,1),
Number BigInt Not Null)
Go

Declare @Counter Int = 1, @String Varchar(Max)

While @Counter <=50
Begin

Insert Into Sequence (Number)
Select IsNull(Sum(Number),1) from Sequence
Where Code < @Counter -1

Set @String = (Select Concat(@String,’,’,Number) from Sequence Where Code = @Counter)

Set @Counter +=1

End

Update Sequence
Set Number = 0
Where Code = 1

Select Number ‘Number List’ From Sequence

Select ‘0’+@String As ‘Sequence Finobacci’
Go

— Short Script 7 –  Criando uma Computed Column para uso de uma Scalar User Defined Function —

— Criando a Function F_CalcularDiferencaAnos —
Create Function F_CalcularDiferencaAnos (@DataNascimento Date)
Returns Int
As
Begin
Return (Select DATEDIFF(Year, @DataNascimento, GetDate()))
End
Go

— Criando a Tabela1 para Teste —
Create Table Tabela1
(Codigo Int,
DataNascimento Date,
DiferencaComputada As (dbo.F_CalcularDiferencaAnos(DataNascimento))) — Criando uma coluna computada com a function —
Go

— Inserindo os dados —
Insert Into Tabela1 (Codigo, DataNascimento)
Values (1,’1980-04-28′), (2,’1981-01-28′)
Go

— Validando o resultado —
Select * from Tabela1
Go

— Short Script 8  –  Criando uma sequência de valores de CEPs através de uma CTE Recursiva —

Declare @Tabela table
(Codigo int, Cidade varchar(40), Inicio char(9), Fim char(9));

insert into @Tabela values (1, ‘Belo Horizonte’, ‘30000-000’, ‘35000-000’)

;With CTE_Rec as
(
Select Cidade,
            Cast(left(Fim, 5) + right(Fim, 3) as int) as Fim,
            Cast(left(Inicio, 5) + right(Inicio, 3) as int) as Cep
From @Tabela

Union all

Select Cidade, Fim, Cep + 1
from CTE_rec
where Cep < Fim
)

Select Cidade, cast(Cep / 1000 as char(5)) + ‘-‘ + right(’00’ + cast(Cep % 1000 as varchar), 3) as Cep,
(Cep / 1000) as Div,
(Cep % 1000) as Div2
from CTE_Rec
OPTION (MAXRECURSION 0)
Go

 

Ufa, conseguimos! Mais uma relação de short scripts acaba de ser compartilhada, mesmo sendo denominados short entre aspas “pequenos”, posso garantir que todos estes exemplos são de grande importância, apresentam um valor e conhecimento do mais alto nível.


Chegamos ao final de mais um Short Scripts, espero que este material possa lhe ajudar, ilustrando o uso de alguns recursos e funcionalidades do Microsoft SQL Server.

Acredito que você tenha observado que estes códigos são conhecidos em meu blog, todos estão relacionados aos posts dedicados ao Microsoft SQL Server publicados no decorrer dos últimos anos.

Boa parte deste material é fruto de um trabalho dedicado exclusivamente a colaboração com a comunidade, visando sempre encontrar algo que possa ser a solução de um determinado problema, bem como, a demonstração de como se pode fazer uso de um determinado recurso.

Links

Caso você queira acessar os últimos posts desta sessão, não perca tempo acesse os links listados abaixo:

Agradecimento

Obrigado mais uma vez por sua visita, fico honrado com sua ilustre presença ao meu blog, desejo e espero que você possa ter encontrado algo que lhe ajudou.

Volte sempre, nos encontraremos mais uma vez na sessão Short Scripts no post do mês de dezembro.

Um forte abraço, até mais.

Short Scripts – Junho 2016


Salve, salve minha gente, boa tarde!!!

Mais uma segunda – feira começando e mais uma semana se iniciando, já passamos da metade do mês de Junho tão aguardado devido ao lançamento do novo Microsoft SQL Server 2016. Caso você tenha perdido alguma informação sobre este lançamento, aproveito para compartilhar aqui um dos diversos posts publicados no meu blog sobre esta nova versão:

Voltando a falar sobre o Short Scripts, esta é uma das sessões mas visitadas do meu blog, onde o objetivo  é compartilhar os scripts existentes em minha biblioteca de códigos  dedicados exclusivamente para o SQL Server. Muitos destes scripts são resultado de pesquisas, posts publicados nos fóruns MSDN e também de respostas encontradas em outros websites de profissionais, administradores de banco de dados, professores e comunidades.

Boa parte deste material é fruto de um trabalho dedicado exclusivamente a colaboração com a comunidade, visando sempre encontrar algo que possa ser a solução de um determinado problema, bem como, a demonstração de como se pode fazer uso de um determinado recurso. Todos os scripts publicados nesta sessão são devidamente testados antes de serem publicados, mas isso não significa que você pode fazer uso dos mesmo em seu ambiente de produção, vale sim todo cuidado possível para evitar maiores problemas.

Caso você não tenha acessado os últimos posts, não perca tempo, utilize os links publicados a seguir:

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2016/03/22/short-scripts-marco-2016/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2015/12/14/short-script-dezembro-2015/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2015/10/21/short-scripts-outubro-2015/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2015/08/26/short-scripts-agosto-2015/

https://pedrogalvaojunior.wordpress.com/2015/06/03/short-script-junho-2015/

Para esta relação você vai encontrar scripts relacionados aos seguintes assuntos, conceitos, recursos ou funcionalidades:

  • Acesso a banco de dados;
  • Collation;
  • Comando Exec;
  • Comando Union;
  • Comando Union All;
  • Comando Create Table;
  • Comando Alter Table;
  • Common Table Expression;
  • DBCC CheckPrimaryFile;
  • DMV sys.dm_db_index_usage_stats;
  • DMV sys.dm_os_buffer_descriptors;
  • Índices Clustered e NonClustered;
  • Option MaxRecursion;
  • Plano de Execução;
  • Querys consideradas pesadas;
  • Tabela de sistema sys.allocation_units;
  • Tabela de sistema sys.partitions;
  • Tabela de sistema sys.indexes;
  • Tabela e caracteres Unicode; e
  • Recursividade.
A seguir, apresento a relação de short scripts:

— Short Script 1 – DBCC CheckPrimaryFile Verificando se o arquivo realmente é um Primary File —
DBCC CheckPrimaryFile (‘C:\Bancos\Laboratorio.MDF’,0)
Go

 

— Short Script 2 – DBCC CheckPrimaryFile – Retornando o conjunto completo de informações associados ao Primary File que formam a estrutura do respectivo Banco de Dados —
DBCC CheckPrimaryFile (‘C:\Bancos\Laboratorio.MDF’,1)
Go

 

— Short Script 3 – DBCC CheckPrimaryFile – Retornando o nome do banco de dados, versão e collation relacionados ao Primary File —
DBCC CheckPrimaryFile (‘C:\Bancos\Laboratorio.MDF’,2)
Go

— Short Script 4 – DBCC CheckPrimaryFile – Retornando o status, fileid, name e filename associados ao Primary File que formam a estrutura do respectivo Banco de Dados —
DBCC CheckPrimaryFile (‘C:\Bancos\Laboratorio.MDF’,3)
Go
— Short Script 5 – Informações sobre acesso ao Banco de Dados —
WITH agg AS
(SELECT last_user_seek,
                  last_user_scan,
                  last_user_lookup,
last_user_update
FROM sys.dm_db_index_usage_stats
WHERE database_id = DB_ID()
)
SELECT last_read = MAX(last_read),
                 last_write = MAX(last_write)
FROM
(SELECT last_user_seek, NULL FROM agg
UNION ALL
SELECT last_user_scan, NULL FROM agg
UNION ALL
SELECT last_user_lookup, NULL FROM agg
UNION ALL
SELECT NULL, last_user_update FROM agg
) AS x (last_read, last_write);
Go

 

— Short Script 6 – Observando a mudança de comportamento após a troca de Collation —

CREATE TABLE [dbo].[Authors]
([id] [INT] NULL,
   [author] [VARCHAR](50) COLLATE SQL_Latin1_General_CP1_CI_AS NULL,
   [dateposted] [DATE] NULL) ON [PRIMARY]
GO
INSERT Authors  VALUES (1, ‘Steve’, ‘20160101’),
                                                   (2, ‘STEVE’, ‘20160201’),
                                                   (3, ‘Andy’, ‘20160301’),
                                                   (4, ‘andy’, ‘20160401’)
GO
CREATE PROCEDURE GetAuthors @author VARCHAR(50)
AS
BEGIN
SELECT a.id, a.author FROM dbo.Authors a
WHERE a.author = @author
END
GO
— If I run the procedure with a parameter of ‘Steve’, it returns two rows. I then run this code:
Exec GetAuthors ‘Steve’
Go
ALTER TABLE dbo.Authors
ALTER COLUMN author VARCHAR(50) COLLATE SQL_Latin1_General_CP437_BIN2 NULL
— If I were to execute the stored procedure, what would happen?
Exec GetAuthors ‘Steve’
Go

 

— Short Script 7 – Descobrindo o código Unicode de um caracter ou String —

— Exemplo 1 —
DECLARE @n CHAR(10);
SET @n = N’Abc’;
SELECT UNICODE(@n);
Go
— Exemplo 2 —
DECLARE @n NCHAR(10);
SET @n = N’??????????’;
SELECT UNICODE(@n);
Go

 

— Short Script 8 – Criando CTEs —

— Exemplo 1 – Criando uma simples CTE —
;With Exemplo1(Valor, Nome)
As
(
Select 1, ‘Pedro Galvão’ As Nome
)
Select * from Exemplo1
Go
— Exemplo 2 – Criando uma CTE com Union de Selects —
;With Exemplo2(Valor)
As
( Select 10
Union
Select 50
Union
Select 8
Union
Select 10 + 2
)
Select Valor = (Select Max(valor) From Exemplo2) + (Select Sum(Valor) From Exemplo2)
Go
– Short Script 9 – Criando CTEs com Recursividade —
— Exemplo – Criando uma nova CTE Recursiva concatenando dados —
;With ConcatenarNomes(nome)
AS
( SELECT Nome = CONVERT(Varchar(4000),’Pedro Antonio’)
UNION ALL
SELECT CONVERT(Varchar(4000),nome + ‘ Galvão Junior’) FROM ConcatenarNomes
WHERE LEN(nome) < 30
)
SELECT Nome FROM ConcatenarNomes
Go
— Exemplo 2 – Criando uma CTE com Union + Recursividade – Simulando uma sequência de números pares —
;With CTENumerosPares(Numero)
As
( Select 0 As Numero
Union All
Select Numero + 2 As Numero From CTENumerosPares
Where Numero < 100
)
Select Numero From CTENumerosPares
Go
— Exemplo 3 – Criando uma CTE com Union + Recursividade – Simulando uma sequência de números —
;With CTENumerosSequenciais(Numero)
AS
(   SELECT 1 AS Numero
UNION ALL
SELECT Numero + 1 AS num FROM CTENumerosSequenciais
WHERE Numero < 1000
)
SELECT * FROM CTENumerosSequenciais
OPTION (MAXRECURSION 0)
Go
— Short Script 10 – Obtendo o tamanho de índices Clustered e NonClustered —
SELECT COUNT(*) AS cached_pages_count,
COUNT(*)/128.0000 MB,
name AS BaseTableName,
IndexName,
IndexTypeDesc
FROM sys.dm_os_buffer_descriptors AS bd
INNER JOIN (SELECT s_obj.name,
s_obj.index_id,
s_obj.allocation_unit_id,
s_obj.OBJECT_ID,
i.name IndexName,
i.type_desc IndexTypeDesc
FROM
(SELECT OBJECT_NAME(OBJECT_ID) AS name,
index_id,
allocation_unit_id,
OBJECT_ID
FROM sys.allocation_units AS au INNER JOIN sys.partitions AS p
ON au.container_id = p.hobt_id
AND (au.TYPE = 1 OR au.TYPE = 3)
UNION ALL
SELECT OBJECT_NAME(OBJECT_ID) AS name,
index_id,
allocation_unit_id,
OBJECT_ID
FROM sys.allocation_units AS au INNER JOIN sys.partitions AS p
ON au.container_id = p.partition_id
AND au.TYPE = 2
) AS s_obj LEFT JOIN sys.indexes i
ON i.index_id = s_obj.index_id
AND i.OBJECT_ID = s_obj.OBJECT_ID
) AS obj ON bd.allocation_unit_id = obj.allocation_unit_id
WHERE database_id = DB_ID()
and name not like ‘sys%’
and IndexName <> ‘null’
GROUP BY name, index_id, IndexName, IndexTypeDesc
ORDER BY cached_pages_count DESC;
Muito bem, mais uma relação de short scripts acaba de ser compartilhada, mesmo sendo denominados short entre aspas “pequenos”, posso garantir que todos estes exemplos são de grande importância e apresentam um valor e conhecimento do mais alto nível.

Chegamos ao final de mais um post, fique a vontade para compartilhar este conteúdo com seus contatos e redes sociais, contribua também enviando dicas, sugestões, dúvidas, críticas, enfim participe e ajude a melhorar cada vez mais esta sessão.

Mais uma vez obrigado por sua visita, nos encontramos em breve em mais um post da sessão Short Scripts.

Uma ótima semana, abraços.