Lançado: Preview público para SQL Server 2017 e pacote de gerenciamento de replicação (CTP4)


Microsoft anuncia o SQL Server 2017 Management Pack CTP4 bits com novas funcionalidades na versão (6.7.60.0).

Faça o download do preview público em:

Pacote de gerenciamento do Microsoft System Center (comunidade técnica Preview 4) para o SQL Server 2017

Pacote de gerenciamento do Microsoft System Center (Community Technology Preview 4) para replicação do SQL Server 2017

Novos recursos e correções para o SQL Server 2017 Windows e Linux MP (6.7.60.0)

  • Implementado sempre na monitorização em Windows e Linux
  • Fluxos de trabalho implementados de latência de disco
  • Adicionado nova “Falha no logon” alerta regra para evento SQL Server #18456
  • Adicionado suporte para as credenciais do AD no modo sem agente no Windows
  • Adicionado relatório de previsão de espaço DB
  • Corrigido problema: informação de localização de arquivo diferente do “sys. master_files” e “sysfiles” causa erro quando arquivos do grupo de disponibilidade de banco de dados secundário estão em caminho diferente
  • Corrigido problema: fluxos de trabalho não podem se conectar a uma instância quando apenas o protocolo de memória compartilhada está habilitado
  • Introduziu uma série de melhorias para o pacote de gerenciamento

Novos recursos e correções para janelas de replicação SQL Server 2017 MP (6.7.60.0)

  • Adicionado um número de monitores e regras de desempenho para criar o mesmo modelo de saúde, tal como apresentado no MPs de replicação do SQL Server 2008-2016
  • Melhorada e refatorado gestão pacote de módulos
  • Corrigido uma série de questões
Recurso/Workflow CTP1 (6.7.18.0) CTP2 (6.7.40.0) CTP3 (6.7.55.0) CTP4 (6.7.60.0)
Objetos de núcleo
Descoberta do mecanismo de DB W/L W/L W/L W/L
Descoberta de motor local DB (característica única do windows) Em Em Em
Instâncias de Cluster do SQL Em Em Em Em
A descoberta de DB W/L W/L W/L W/L
Descoberta de grupo de arquivos DB W/L W/L W/L W/L
Detecção de arquivos DB W/L W/L W/L W/L
Arquivo de Log DB descoberta W/L W/L W/L W/L
Descoberta de política DB W/L W/L W/L
Descoberta de grupo de arquivos FILESTREAM Em Em Em
Descoberta de grupo de arquivos de dados otimizados para memória W/L W/L W/L
Dados de memória otimizado de arquivos recipientes descoberta W/L W/L W/L
Pool de recursos de motor DB descoberta W/L W/L
Descoberta do agente SQL W/L W/L
Sempre na descoberta Em W/L
Características
Monitoramento sem agente W/L W/L W/L W/L
Misto de acompanhamento (característica única do windows) Em Em Em Em
Agente de monitoramento (característica única do windows) Em Em Em Em
Credenciais do SQL W/L W/L W/L W/L
Credenciais do AD Em Em Em Em
Suporte OLTP na memória W/L W/L W/L
Suporte a SQL Server Express Em Em Em Em
Módulo de MSSQL LogReader W/L W/L W/L
Suporta nomes longos (característica única do windows) Em Em Em Em
Assistente de multithreading W/L W/L W/L
Execução de tarefas W/L W/L
Suporte de estivador L L
Cenários de monitoramento
Estado de saúde de motor DB monitoramento W/L W/L W/L W/L
Monitoramento de desempenho de motor do DB W/L W/L W/L W/L
Serviço de mecanismo de DB pacote de monitoramento de conformidade W/L W/L W/L
Monitoramento de configuração DB W/L W/L W/L W/L
Desempenho de grupo de arquivos otimizado para memória de dados DB monitoramento W W W
Métricas de monitoramento da CPU e desempenho W W W
Envio de monitoramento de logs W W W
Monitoramento da integridade do WMI W/NA W/NA W/NA
Base do evento monitoramento (400 + regras de alerta) W/L W/L W/L
Coleta de métricas DB espaço monitoramento e desempenho W W W W
Coleta de métricas DB espaço monitoramento e desempenho para objetos Filestream W W W
Coleta de métricas DB espaço monitoramento e desempenho para objetos ἑκατόν W W W
Serviço iniciador Daemon de filtro de texto completo SQL monitoramento W W W
Monitoramento do SQL Agent W/L W/L
Sempre a monitorização W W/L

Gend Le

Concluído

W – suportado em Windows

L – suportado no Linux

W/L – com suporte em Windows e Linux

W/NA – com suporte no Windows, mas não aplicável para Linux

Todos os detalhes sobre a nova funcionalidade podem ser encontrados no guia de operações do que pode ser baixado junto com o pacote de gerenciamento. Funcionalidade completa estará disponível com o SQL Server 2017 GA. Esta versão CTP cobre apenas um subconjunto de regras e monitores. Vamos trabalhar no sentido de funcionalidade completa como nós liberamos novos CTPs.

Fontes e Direitos Autorais: SQL Server Release Services – SourabhAgarwal.
https://blogs.msdn.microsoft.com/sqlreleaseservices/released-public-preview-for-sql-server-2017-and-replication-management-pack-ctp4/

TechNet Virtual Lab: Office 365 Advanced Threat Protection


A Microsoft disponibilizou recentemente em sua página Laboratórios Virtuais TechNet o laboratório virtual Office 365 Advanced Threat Protection – Guia Interativo.

Os laboratórios virtuais permitem que usuários e profissionais de TI testem recursos dos sistemas operacionais e de outros produtos da Microsoft via nuvem como se estivessem usando seus próprios PCs.

Isto é útil para quem não quer perder tempo criando uma máquina virtual apenas para testar um recurso específico.

TechNet Virtual Lab: Office 365 Advanced Threat Protection – Guia Interativo

Para quem não sabe, o Office 365 Advanced Threat Protection oferece proteção em tempo real para email em ambientes corporativos. O serviço foi atualizado no início deste ano e ganhou novos recursos como URL Detonation e Dynamic Delivery.

De acordo com a Microsoft, o recurso URL Detonation ajuda a impedir que os usuários sejam comprometidos por arquivos oferecidos através de URLs maliciosas.

Quando o usuário recebe um email, o Advanced Threat Protection analisa as URLs na mensagem procurando por comportamento malicioso.

Se o usuário clicar no link durante a verificação, ele verá o alerta falando que a mensagem está sendo verificada. Se o link for detectado como malicioso, um novo alerta será exibido recomendando que o usuário não clique no link.

Os administradores podem configurar a política SafeLink para monitorar os cliques dos usuários. Isto é útil para casos onde eles burlam os alertas para acessar sites bloqueados pelo Advanced Threat Protection.

TechNet Virtual Lab: Office 365 Advanced Threat Protection
Já o recurso Dynamic Delivery do Office 365 Advanced Threat Protection permite que os usuários leiam as mensagens de email enquanto os anexos são verificados.

Durante a verificação, o anexo é substituído por um “placeholder” com a notificação indicando que a verificação do verdadeiro anexo está em andamento.

Se o usuário clicar neste “placeholder”, ele verá uma mensagem mostrando o progresso da verificação. Se o anexo for malicioso, o Office 365 Advanced Threat Protection notificará o usuário.

Neste laboratório virtual você verá como o Office 365 Office 365 Advanced Threat Protection pode ajudar a impedir que anexos maliciosos cheguem aos destinatários, proteger usuários contra links maliciosos e mais com recursos como os mencionados acima.

Confira o laboratório virtual clicando aqui e saiba mais sobre o serviço aqui.

Fontes e Direitos Autorais: Microsoft.com  https://products.office.com/en/exchange/online-email-threat-protection

Novidades no Windows 10 Creators Update


Confira neste artigo algumas novidades no Windows 10 Creators Update (ou Windows 10 v1703), que foi lançado oficialmente hoje pela Microsoft.

Novidades no Windows 10 Creators Update

Uma das novidades no Windows 10 Creators Update é o suporte para conteúdo 3D. Esta atualização do Windows 10 inclui o novo aplicativo Paint 3D.

O aplicativo é baseado na Universal Windows Platform e além dos recursos básicos de edição de imagens e desenho, ele traz o suporte para criação de formas em 3D e interface otimizada para uso com telas sensíveis ao toque.

O aplicativo também suporta recursos “tradicionais” como recorte de imagens, inserção de textos, criação e formas 2D e outros.

Novidades no Windows 10 Creators Update

Com o Windows 10 Creators Update, o suporte para conteúdo 3D também estará presente no Microsoft Edge e no PowerPoint.

Os usuários poderão inserir objetos 3D em slides do PowerPoint e também é possível usar o zoom para visualizar detalhes específicos dos objetos.

No caso do Microsoft Edge, o HoloLens poderá utilizado para navegar por conteúdo 3D no navegador. Com o HoloLens, os objetos poderão ser “movidos” para fora do navegador para facilitar a interação.

Objetos em 3D também poderão ser obtidos em sites como o remix3d.com e através do próprio aplicativo Paint 3D.

Já que falamos em conteúdo 3D e HoloLens, o Windows 10 Creators Update traz a plataforma Windows Mixed Reality (ex-Windows Holographic). Com ela o sistema operacional suportará realidade aumentada com dispositivos como o HoloLens e realidade virtual com dispositivos que custarão a partir de US$ 299.

Isto significa que os fabricantes interessados em criar experiências de realidade virtual agora poderão usar o Windows 10 como plataforma para seus dispositivos.

Usuários com dispositivos compatíveis poderão usar o aplicativo Mixed Reality Portal como ponto de partida para a plataforma Windows Mixed Reality.

O Windows 10 Creators Update também traz diversas melhorias na experiência de instalação e atualização do sistema operacional. Durante a instalação “limpa” do Windows 10 com o Creators Update, a assistente pessoal Cortana poderá guiar o usuário durante algumas etapas do processo. Ela também suportará comandos de voz nesta etapa.

No caso da experiência de atualização, as novidades no Windows 10 creators Update incluem diversas novas opções para o agendamento da instalação das atualizações.

Por exemplo, você poderá reiniciar e instalar a atualização imediatamente, especificar exatamente quando a atualização será instalada e o PC reinicializado ou poderá clicar no botão Snooze, que interromperá o processo de atualização completamente por três dias caso você precise usar o PC de forma ininterrupta neste período:

Além disso, a seção Horário ativo foi melhorada para que o Windows não instale a atualização durante um horário que o usuário precisa do PC pronto para uso:

As atualizações precisarão de menos reinicializações do que no Windows 10 atual e os download das atualizações não causará mais um grande impacto na performance do PC.

As opções avançadas do Windows Update na edição Pro do sistema operacional também foram atualizadas e agora trazem mais opções:

Para quem usa o PC durante a noite, o Windows 10 inclui a nova opção Luz noturna. Esta opção ajuda a reduzir a emissão de luz azul quando o usuário utiliza o PC.

O usuário também pode definir quando a opção Luz noturna será ativada automaticamente (do início da noite ao início da manhã ou em um horário específico):


Sobre o Microsoft Edge, uma das novidades no Windows 10 Creators Update é o suporte nativo para ebooks no formato ePUB. O navegador suporta tanto livros protegidos, como os comprados através da Windows Store*, como os obtidos através de outras fontes:

*Disponibilidade pode variar dependendo da região.

O Microsoft Edge também traz diversas melhorias na navegação, como o suporte para visualização de abas abertas sem sair da atual e o suporte para “reserva de guias”.

Os usuários podem acessar as guias abertas clicando no botão “Mostrar visualizações de guias” :


Já a “reserva de guias” permite que você separe um conjunto de sites para visualização posterior. Para fazer isso, abra os sites que você quer separar e clique no botão “Reservar estas guias”:

Os sites que você separou poderão ser acessados clicando no botão “Guias que você reservou” e depois em “Restaurar guias”:


Na parte de segurança, o navegador traz o Windows Defender Application Guard, que ajuda a proteger o PC contra sites maliciosos e certos tipos de ataques na Web.

As empresas podem ativar este recurso, que utiliza tecnologia de virtualização, com Editor de Política de Grupo Local no Windows 10 Enterprise:

Para os gamers, o Windows 10 Creators Update traz a nova categoria Jogos no aplicativo Configurações:

Nela eles podem encontrar todas configurações relacionadas a jogos, incluindo DVR (para captura de imagens e gravações de vídeos de jogos), Barra de jogo, Streaming de jogos e o Modo de Jogo, que otimiza o Windows 10 para oferecer melhor performance durante as partidas:

O Windows 10 Creators Update introduziu a Central de Segurança do Windows Defender, que basicamente reúne as opções de segurança e outros recursos relacionados em um só lugar.

Se o usuário tiver uma solução antivírus de terceiros, a Central oferecerá acesso rápido e também oferecerá a opção para habilitar a verificação periódica do Windows Defender, que oferecerá uma camada extra de proteção:

Para as empresas, o Windows 10 Creators Update introduz diversas novidades no Windows Defender Advanced Threat Protection. Confira algumas delas aqui.

Sobre as melhorias com foco na privacidade,� confira este post da Microsoft.

Os usuários da plataforma de virtualização Hyper-V agora poderão utilizar o novo assistente para criação rápida de máquinas virtuais, o que agilizará o processo caso seja necessário criar múltiplas máquinas virtuais rapidamente.

Para abrir o assistente basta clicar em “Criação Rápida” no Gerenciador do Hyper-V:

Outras novidades no Windows 10 Creators Update incluem:

– Barra de endereços no Editor do Registro:

– Touchpad virtual:

– Mais opções de cores para personalização da interface:

– Suporte para download de temas na Windows Store:

– Suporte para pastas de aplicativos no menu Iniciar:

– Mais opções de personalização para o menu Iniciar:

– Bloqueio dinâmico:

– Sensor de armazenamento:

Estas são apenas algumas das novidades no Windows 10 Creators Update. A Microsoft já começou os trabalhos na próxima grande atualização do Windows 10, que é conhecida pelo codinome Redstone 3 e deve ser lançada até o final deste ano.

Fontes e Direitos Autorais: Baboo.com  –

Azure SQL Data Warehouse agora está disponível em 27 regiões


A Microsoft anunciou nesta semana em seu blog que o Azure SQL Data Warehouse agora está disponível em 27 regiões em todo o mundo.

As quatro novas regiões onde o banco de dados está disponível são: Germany Central, Germany Northeast, Korea Central e Korea South.

Em setembro de 2016 a empresa anunciou a disponibilidade no Brasil e em mais três regiões (North Europe, Japan East e Australia Southeast), elevando o total de regiões  época para 18.

Azure SQL Data Warehouse

De acordo com a Microsoft, o Azure SQL Data Warehouse é um banco de dados baseado em nuvem e expansível com capacidade de processar volumes imensos de dados, relacionais e não relacionais. Criado em arquitetura MPP (processamento paralelo maciço), o SQL Data Warehouse pode lidar com sua carga de trabalho corporativa.

– Combina o banco de dados relacional do SQL Server com os recursos de expansão na nuvem do Azure. Você pode aumentar, diminuir, pausar ou retomar a computação em segundos. Você economiza custos expandindo a CPU quando for necessário e cortando o uso durante os horários de pico.

Azure SQL Data Warehouse agora está disponível em 27 regiões

– Aproveita a plataforma do Azure. É fácil de implantar, apresenta uma manutenção tranquila e é totalmente tolerante a falhas graças aos backups automáticos.

– Complementa o ecossistema do SQL Server. Você pode desenvolver com o T-SQL (Transact-SQL) do SQL Server e ferramentas conhecidas.

Saiba mais sobre o Azure SQL Data Warehouse aqui e confira os preços clicando aqui.

Fontes e Direitos Autorais: Baboo.com –

Atualização Cumulativa 2 para SQL Server 2016 SP1


A Microsoft disponibilizou para download nesta segunda-feira a Atualização Cumulativa 2 para SQL Server 2016 SP1.

O primeiro Service Pack do SQL Server 2016 foi lançado pela empresa em 17 de novembro de 2016 e está disponível para download aqui.

SQL Server 2016

O SQL Server 2016 traz recursos críticos inovadores com desempenho em memória e análise operacional integrada. Os recursos de segurança abrangentes, como a tecnologia de criptografia ininterrupta (Always Encrypted), ajudam a proteger seus dados fixos e em movimento, e uma solução avançada de alta disponibilidade e recuperação de desastres acrescenta novos aprimoramentos à tecnologia AlwaysOn.

As organizações terão visões mais aprofundadas de todos os seus dados com novos recursos que vão além da business intelligence, executando a análise avançada diretamente dentro de seus bancos de dados e apresentando visualizações avançadas para oferecer visões de negócios de qualquer dispositivo.

Atualização Cumulativa 2 para SQL Server 2016 SP1

Você também pode se beneficiar da nuvem em hiperescala, com novos cenários híbridos habilitados pela nova tecnologia de banco de dados elástico (Stretch Database), que permite expandir dinamicamente seus dados transacionais a quente e a frio até o Microsoft Azure de forma segura, para que seus dados estejam sempre à disposição para consultas, independentemente do tamanho.

O SQL Server 2016 também oferece uma plataforma de banco de dados completa para a nuvem híbrida, permitindo criar, implantar e gerenciar facilmente soluções que abrangem instalações locais e na nuvem.

Saiba mais sobre ele aqui.

Atualização Cumulativa 2 para SQL Server 2016 SP1

De acordo com a Microsoft, a Atualização Cumulativa 2 para SQL Server 2016 SP1 contém correções para problemas encontrados depois do lançamento do SQL Server 2016 SP1.

Essa atualização cumulativa também inclui todas as correções de todas as atualizações cumulativas anteriores.

O artigo KB4013106 contendo mais informações sobre o que foi corrigido por esta atualização ainda não foi publicado pela Microsoft. Ele estará disponível em breve aqui.

A Atualização Cumulativa 2 para SQL Server 2016 SP1 está disponível para download aqui. Já quem usa o SQL Server 2016 sem o SP1 pode fazer o download da Atualização Cumulativa 5 aqui.

Fontes e Direitos Autorais: Baboo.com –

Microsoft anuncia máquinas virtuais L Series do Azure


A Microsoft anunciou nesta semana novas máquinas virtuais L Series do Azure. Elas são otimizadas para armazenamento e voltadas para aplicações que requerem baixa latência, como bancos de dados NoSQL (como (Cassandra, MongoDB, Cloudera e Redis).

As máquinas virtuais oferecem até 32 núcleos de processamento utilizando processadores da família Intel Xeon E5 v3.

As novas máquinas virtuais L Series do Azure estão disponíveis com quatro tamanhos. A mais básica (Standard_L4s) oferece 4 núcleos de processamento, 32GB de memória e SSD com 678GB.

As máquinas virtuais estão disponíveis inicialmente nas seguintes regiões:

– East US 2
– West US
– Southeast Asia
– Canada Central
– Canada East
– Australia East

Confira os preços clicando aqui.

Máquinas virtuais L Series do Azure:

Microsoft anuncia máquinas virtuais L Series do Azure
Novas máquinas virtuais são otimizadas para armazenamento e voltadas para aplicações que requerem baixa latência, como bancos de dados NoSQL (como (Cassandra, MongoDB, Cloudera e Redis)

Fontes e Direitos Autorais: Baboo.com.br – 

Windows Server Premium Assurance e SQL Server Premium Assurance já estão disponíveis


Anunciados em dezembro passado, os planos Windows Server Premium Assurance e SQL Server Premium Assurance já estão disponíveis para empresas que precisam de mais tempo de suporte para o Windows Server e SQL Server.

Windows Server Premium Assurance e a SQL Server Premium Assurance

De acordo com a Microsoft, estes planos adicionam mais seis anos de suporte para o Windows Server e para o SQL Server. Com isso o tempo mínimo de suporte para estes produtos passa a ser de 16 anos: cinco anos da fase de suporte padrão ou mainstream, cinco anos da fase de suporte estendido e o período extra de seis anos oferecido via Premium Assurance:

Este período adicional de suporte oferece atualizações de segurança classificadas como críticas e como importantes para o Windows Server e SQL Server.

De acordo com o anúncio da Microsoft, as empresas podem comprar os planos Windows Server Premium Assurance e SQL Server Premium Assurance juntos ou separadamente.

Windows Server Premium Assurance e SQL Server Premium Assurance já estão disponíveis

Os dois novos planos já estão disponíveis e os primeiros produtos cobertos por eles são o SQL Server 2008 e 2008 R2, que terão sua fase de suporte estendido encerrada em julho de 2019, e Windows Server 2008 e 2008 R2, que terão sua fase de suporte estendido encerrada em janeiro de 2020.

As ofertas Windows Server Premium Assurance e SQL Server Premium Assurance também são vendidas como complementos para produtos com Software Assurance.

Saiba mais sobre estes planos clicando aqui.

Fontes e Direitos Autorais: Baboo.com –