Novo System Center Management Pack v7.0.2.0 para SQL Server


A Microsoft anunciou no último dia 05 de fevereiro no blog SQL Server Release Services a disponibilidade do System Center Management Pack v7.0.2.0 para as versões do SQL Server 2016, 2014, 2012 e 2008.

O Management Pack possibilita a descoberta e monitoramento de bancos de dados, agentes do SQL Server e outros componentes relacionados usando o System Center Operations Manager. De acordo com o anúncio da Microsoft, a versão 7.0.2.0 traz correções para múltiplos bugs. Um deles faz com que scripts de monitoramento falhem com o erro “No coercion operator is defined…”.

System Center Management Pack v7.0.2.0 para SQL Server

Faça o download do System Center Management Pack v7.0.2.0 para SQL Server

Download para SQL Server 2016
Download para SQL Server 2014
Download para SQL Server 2008 e 2012
Download para SQL Server Dashboards

Mais detalhes e a lista com os bugs corrigidos estão disponíveis no post com o anúncio da Microsoft.

Fontes e Direitos Autorais:  – 05/02/2018.

Anúncios

Windows Defender terá suporte e proteção contra softwares que exibem mensagens coercivas


A Microsoft anunciou nesta semana no blog Microsoft Security que o Windows Defender passará a oferecer proteção contra softwares que exibem mensagens coercivas.

A partir de 1 de março de 2018, o antivírus do Windows 10 e outras soluções de segurança da Microsoft passarão a classificar programas que exibem mensagens coercivas como “softwares indesejados” que serão detectados e removidos. A Microsoft classifica como ”coercivas” mensagens alarmantes e/ou exageradas exibidas por programas como otimizadores e limpadores de sistemas supostamente gratuitos que visam intimidar o usuário para que ele compre uma versão “Premium” de tal programa para que o problema encontrado seja resolvido, por exemplo.

Desenvolvedores que não quiserem que seus programas sejam detectados como indesejados podem enviar amostras para análise através do portal Windows Defender Security Intelligence.

Se for necessário que o desenvolvedor faça alguma alteração no programa, a Microsoft o notificará sobre isso após a análise.

Windows Defender oferecerá proteção contra softwares que exibem mensagens coercivas
Windows Defender no Windows 10 Fall Creators Update –  A partir de 1 de março ele passará a oferecer proteção contra softwares que exibem mensagens coercivas.

Fontes e Direitos Autorais: Microsoft Secure –  – 30/01/2018.

SQL Operations Studio Preview v0.25.4 – Janeiro 2018


A Microsoft disponibilizou para download nesta semana o SQL Operations Studio Preview v0.25.4. A ferramenta está disponível para Windows, macOS e Linux.

Se você ainda não conhece esta nova ferramenta, saiba que o SQL Operations Studio é uma ferramenta gratuita para gerenciamento do SQL Server, Azure SQL Database e Azure SQL Data Warehouse.

A primeira versão Preview pública foi lançada no início de novembro de 2017. De acordo com o changelog, a versão 0.25.4 traz correções de bugs, corrige um problema com o tamanho do ícone no menu Iniciar, muda o campo Nome do servidor para Servidor na caixa de diálogo Conexão e mais.

Confira a lista completa de melhorias e correções disponíveis no changelog clicando aqui.

Microsoft SQL Operations Studio Preview v0.25.4

A versão para Windows do SQL Operations Studio Preview v0.25.4 está disponível para download aqui com instalador e aqui em versão portátil (não requer instalação). As versões para outras plataformas e as instruções de instalação podem ser encontradas aqui.

Para maiores informações acesse: https://docs.microsoft.com/en-us/sql/sql-operations-studio/what-is

Fontes e Direitos Autorais: Microsoft – 17/01/2018 – https://docs.microsoft.com/en-us/sql/sql-operations-studio/release-notes

Microsoft SQL Server Data Tools v15.5.1 para Visual Studio 2017 disponível


O SQL Server Data Tools v15.5.1 é uma ferramenta de desenvolvimento moderna que você pode baixar gratuitamente para criar bancos de dados relacionais do SQL Server, bancos de dados SQL do Azure, pacotes do Integration Services, modelos de dados do Analysis Services e relatórios do Reporting Services.

Com o SSDT, você pode projetar e implantar qualquer tipo de conteúdo do SQL Server com a mesma facilidade com que desenvolve um aplicativo no Visual Studio.

O SQL Server Data Tools v15.5.1 para Visual Studio 2017 está disponível para download aqui e é compatível com o Windows 7 SP1, Windows 8.1, Windows 10, Windows Server 2012 R2 e Windows Server 2016.

SQL Server Data Tools v15.5.1 para Visual Studio 2017Esta versão do SSDT pode ser instalada nos seguintes idiomas:

Chinês (República Popular da China) | Chinês (Taiwan) | Inglês (Estados Unidos) | Francês | Alemão | Italiano | Japonês | Coreano | Português (Brasil) | Russo | Espanhol

De acordo com o changelog, esta versão traz a correção de um problema no qual o instalador trava na pós-instalação do SQL Server Integration Services e a correção de um problema no qual a instalação falha com a seguinte mensagem de erro: “Não há suporte para a operação de metarquivo solicitada (0x800707D3)”.

IMPORTANTE: Antes de instalar o SSDT v15.5.1 para Visual Studio 2017, desinstale as extensões “Projetos do Microsoft Analysis Services” e “Projetos do Microsoft Reporting Services”, caso eles já estejam instalados no VS 2017 e feche todas as instâncias do VS.

Mais informações sobre o SQL Server Data Tools podem ser encontradas aqui. Ele também possui uma versão para o Visual Studio 2015.

Fontes e Direitos Autorais: https://docs.microsoft.com/pt-br/sql/ssdt/changelog-for-sql-server-data-tools-ssdt

Microsoft Visual Studio 2017 v15.6 Preview 2 e Visual Studio for Mac Version 7.4 Preview disponíveis


A Microsoft anunciou a disponibilidade do Visual Studio 2017 v15.6 Preview 2. A versão Preview 1 original foi disponibilizada no dia 7 de dezembro de 2017.

De acordo com o changelog publicado aqui pela Microsoft, o Visual Studio 2017 v15.6 Preview 2 traz correções para múltiplos bugs, opções de depuração agora estão disponíveis para Embedded ARM GCC.

Esta nova versão Preview também traz uma extensa lista de melhorias no suporte para Visual C++, o instalador do Visual Studio foi melhorado e agora quando você instalá-lo pela primeira vez ou atualizá-lo via Web você verá um processo de instalação mais transparente:

Microsoft Visual Studio 2017 v15.6 Preview 2

O Preview 2 também inclui o suporte parta navegação por fontes descompiladas. Habilite isto acessando Tools > Options > Text Editor > C# > Advanced > Enable navigation to decompiled sources:

A lista completa com todas as novidades nesta versão Preview pode ser vista no link acima.

Desenvolvedores interessados podem fazer o download do Visual Studio 2017 v15.6 Preview 2 aqui ou podem utilizar o link fornecido na página com o changelog.

Fontes e Direitos Autorais: The Visual Studio Blog – 10/01/2018.

Microsoft libera o .Net Core v2.0.5


A Microsoft disponibilizou para download nesta semana o .NET Core v2.0.5. Esta versão pode ser utilizada para desenvolvimento via linha de comando, editor de texto, Visual Studio 2017, Visual Studio Code ou Visual Studio for Mac.

O .NET Core é uma versão modular, multiplataforma e open-source do .NET Framework. O SDK (kit para desenvolvimento de software) v2.1.4 e o .NET Core Runtime v2.0.5 para Windows estão disponíveis para download aqui.

Na mesma página é possível encontrar o .NET Core e outros downloads para Linux e macOS. Instruções para instalação em diferentes distribuições do Linux estão disponíveis no link acima.

Imagens da versão 2.0.5 do .NET Core também estão disponíveis no Docker Hub. Elas podem ser usadas no Linux e no Nano Server.

Microsoft disponibiliza o .NET Core v2.0.5
A Microsoft disponibilizou para download nesta semana o .NET Core v2.0.5. Esta versão pode ser utilizada para desenvolvimento via linha de comando, editor de texto, Visual Studio 2017, Visual Studio Code ou Visual Studio for Mac

Fontes e Direitos Autorais: Baboo.com –  11 jan 2018 | 9:42 am.

Microsoft anuncia o lançamento do Powershell Core 6.0


A Microsoft anunciou nesta semana a disponibilidade do PowerShell Core 6.0, uma versão multi-plataforma e open-source do PowerShell, para Windows, macOS e Linux.

Apesar do “6.0” no nome, esta é a primeira versão oficial do PowerShell Core.

A versão para Windows do PowerShell Core 6.0 é compatível com o Windows 7, Windows 8.1, Windows 10, Windows Server 2008 R2, Windows Server 2012 R2 e Windows Server 2016.

A versão para macOS é compatível com a versão 10.12 e posteriores e a versão para Linux é compatível com distribuição como Ubuntu, CentOS, Red Hat Enterprise Linux, OpenSUSE e Fedora.

Assim como o .NET e o .NET Core, o PowerShell Core é uma versão open-source do PowerShell. A Microsoft não pretende mais lançar novas versões do Windows PowerShell “normal”, com a 5.1 sendo a última*.

*Ela continuará recebendo correções durante seu ciclo de vida, mas a 5.1 é a última grande versão do Windows PowerShell.

O PowerShell Core também pode ser usado mesmo em sistemas com o Windows PowerShell instalado.

Alguns recursos suportados pelo Windows PowerShell, como PowerShell Workflows, Snap-ins e cmdlets WMlv1, não são suportados no PowerShell Core 6.0, mas isso pode mudar no futuro.

O PowerShell Core será atualizado regularmente pela Microsoft.

Microsoft lança o PowerShell Core 6.0

A empresa anunciou seu plano de tornar o PowerShell open-source e compatível com macOS e Linux em 2016. A empresa também disponibilizou uma versão de testes na época.

Profissionais de TI interessados podem obter mais informações no post com o anúncio da versão 6.0 publicado aqui pela Microsoft.

Instruções para download e instalação do PowerShell Core 6.0 no Windows podem ser encontradas aqui. Já as instruções para download e instalação no macOS e Linux estão disponíveis aqui.

Fontes e Direitos Autorais: PowerShell Team Blog – 10/01/2018.